Mindelo: Hora de brincar o Carnaval

8/02/2018 23:03 - Modificado em 8/02/2018 23:03
| Comentários fechados em Mindelo: Hora de brincar o Carnaval

Arranca esta sexta-feira o Carnaval no Mindelo, manifestação cultural que ao longo dos anos tem movimentado a ilha, não fosse uma das manifestações culturais com mais expressão em São Vicente. Cise já cantava “São Vicente é um brasilim”. O Carnaval é vivido na ilha antes do dia e mesmo depois, pois, com o enterro do Carnaval, continuam-se a ouvir as batucadas. Está tudo organizado para que os desfiles que começam no fim-de-semana e terminam na terça-feira, possam decorrer da melhor forma.

Os grupos que desfilam são as grandes atracções, mas existe um Carnaval que não é de samba nem batucada, mas de aproveitar o dia e dar asas à imaginação. O Carnaval informal é uma atracção com individualidades a chamarem a atenção para as suas roupas e figuras que querem representar. Mas, para todos, o desejo é que haja bons desfiles, paz e harmonia e que todos se possam divertir. Apesar das pessoas irem para a morada ver os grupos de Carnaval outras deslocam-se apenas para se divertirem e “passa sabe”

“Carnaval é festa, é alegria e é isso que fazemos todos os anos. Reunimo-nos e cada um dá a sua ideia e vamos para a morada dar para doido”, afirma Roberto Fortes. Luísa Silva diz que adora o Carnaval mas é pelo convívio e pela festa que as pessoas fazem. “No Carnaval você vê cada coisa e isso é passar sabe e dar pra doido”.

Os grupos também são a atracção. Neste campo, já surgem algumas tomadas de posição sobre os grupos, porque além de tudo é uma competição. “Nos últimos anos tem sido um bom espectáculo com os grupos a darem o seu contributo, mas este ano espero que todos os grupos venham com qualidade e bom trabalho porque é o que as pessoas querem ver”, adianta Miriam Delgado. Na mesma linha de pensamento, Erica da Luz avança que gostaria que todos os grupos apresentassem um bom trabalho porque as pessoas têm grandes expectativas pelo trabalho, sobretudo agora que todos falam em tornar o Carnaval cada vez mais atractivo. Espera ver na prática esta pretensão.

O lema continua a ser divertir-se. O fim-de-semana está preenchido com desfiles. Nuno Lima diz que o corpo tem que aguentar porque planeia ir todos os dias até terça-feira a todos os desfiles. “Basta haver alegria e todos na paz, está tudo bem. O Carnaval é uma vez por ano e, por isso, há que se aproveitar bem”. E a vontade de aproveitar o Carnaval é generalizada. “O Carnaval está no sangue” como diz Caia Mota que avança que vai desfilar na terça-feira, mas que há que aproveitar bem os outros dias.

O Carnaval é festa e o desejo do mindelense é que possa continuar a ser. O pedido básico que todos fazem é poderem festejar em paz e harmonia e aproveitarem da melhor forma esta manifestação cultural.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.