Vigilantes de empresas de segurança privada partem para manifestação em São Vicente.

1/02/2018 00:27 - Modificado em 1/02/2018 00:27
| Comentários fechados em Vigilantes de empresas de segurança privada partem para manifestação em São Vicente.

Está marcada para esta quinta-feira por parte dos vigilantes das empresas em São Vicente, uma manifestação “com todos os vigilantes de São Vicente”, como avança Edi Ganeto, delegado sindical. Um percurso que vai iniciar na Praça Dom Luís com passagem pelas empresas onde trabalham e também na Direcção-Geral do Trabalho.

Em questão está o acordo colectivo de trabalho que para o delegado sindical era para ter entrado em vigor a partir do dia um de Janeiro e a Direcção-Geral do Trabalho fez com que na mudança da DGT, o processo não avançasse e anuncia que “foram encontradas algumas irregularidades, pelo que agora são chamados à mesa de negociação e o acordo entrará em vigor em 2018”.

Situação que deixa os vigilantes insatisfeitos. Esta manifestação, como afirma, vem demonstrar esta insatisfação pela não entrada em vigor do acordo colectivo de trabalho assinado em Agosto passado.

De entre as reivindicações consta ainda, dentro do acordo, a questão do aumento salarial dos vigilantes. Além destes aspectos, Ganeto avança que vão manifestar por melhores condições de trabalho, fardamento e problemas de perseguição.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.