Juiz coloca em  TIR Ex-oficial e um agente da PN  acusados da prática de crimes de burla e sequestro

31/01/2018 01:33 - Modificado em 31/01/2018 13:52
| Comentários fechados em  Juiz coloca em  TIR Ex-oficial e um agente da PN  acusados da prática de crimes de burla e sequestro

Um ex-oficial e um agente da Policia Nacional (PN), acusados  de prática de crimes de c de falsificação de documentos, em concurso efectivo real com um crime de burla e de um crime de sequestro agravado, um crime de roubo com violência sobre pessoa e um crime de armas, respetivamente foram apresentados ao Juiz do Tribunal da Praia  que decidiu que vão  aguardar o julgamento em liberdade, sob Termo de Identidade e Residência (TIR).

O  ex-oficial da PN ficou  ainda sujeito  a pagar uma caução de 150 mil escudos.

O ex-oficial da PN foi detido pela PJ na sexta-feira, 26, na Cidade da Praia, fora de flagrante delito, é acusado da prática de um crime de falsificação de documentos, em concurso efectivo real com um crime de burla”.

O ex-agente da PN, acusado de prática de um crime de sequestro agravado, um crime de roubo com violência sobre pessoa e um crime de armas, cometidos em Setembro de 2016, foi também detido fora de flagrante delito, pela PJ, em cumprimento de um mandado de detenção do Ministério Público.

“Na sequência de buscas domiciliárias, apreendeu-se na casa do arguido, um relógio, mascote e anéis dourados, balanças de precisão, recibos de envio de dinheiro para o estrangeiro, chaves de viaturas, uma pedra para testar a veracidade do material ouro, uma pequena quantia de estupefacientes e dois passaportes”, lê-se no comunicado.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.