Jornalista a cobrir tiroteio em escola descobre que suspeito do crime é o filho

29/01/2018 04:28 - Modificado em 29/01/2018 04:28
| Comentários fechados em Jornalista a cobrir tiroteio em escola descobre que suspeito do crime é o filho

Uma jornalista norte-americana destacada para a cobertura de um tiroteio numa escola dos EUA descobriu, à chegada, que o principal suspeito dos crimes era o próprio filho.

Um jovem de 16 anos matou a tiro dois colegas de 15 anos na escola secundária de Benton, no Kentucky, nos EUA, na terça-feira. Pelo menos 17 alunos ficaram feridos.

A editora do jornal “Marshall County Daily Online”, Mary Garrinson, foi das primeiras a sair para a escola. Quando chegou ao local do tiroteio, tomou conhecimento que o principal suspeito dos disparos era o próprio filho, um jovem identificado como Gabe Parker.

A história foi contada por Ann Beckett, colega de trabalho da mãe do jovem, a uma repórter do “Courrier Journal”, e alegadamente confirmada por outro órgão de comunicação social local, o “Paducah Sun”.

Jn-pt

 

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.