SAL: O suspeito de assassinar Nuno disparou contra outra pessoa  que ficou ferida

19/01/2018 02:52 - Modificado em 19/01/2018 02:52
| Comentários fechados em SAL: O suspeito de assassinar Nuno disparou contra outra pessoa  que ficou ferida

De acordo com fontes policiais, o suspeito do crime ainda anda a monte e a polícia desconfia que o fugitivo poderá estar ainda no Sal, onde estará escondido em casa de pessoas das suas relações.

Em São Vicente, na casa dos familiares na zona de Ribeirinha o ambiente  é de pesar. E apelam para que o autor seja capturado o mais breve possível pelas autoridades, ou quem saiba do paradeiro do ex-presidiário André Avelino Mendes Tavares, que está a ser apontado como o presumível assassino do jovem, que entre em contacto para com a policia para que se possa fazer justiça. Informações apuradas dão conta que foram disparada seis tiros de uma pistola 6.35mm.

Para além de Nuno Silva, outro cidadão, um português, que também trabalha na empresa, foi baleado por duas vezes. Este contactou a policia e relatou o ocorrido. Disse que conseguiu escapar do local e na manhã de ontem, quinta-feira, foi evacuado para cidade da Praia, onde se encontra hospitalizado. Apesar de saberem que nada podia ser feito, um primo da vítima disse à TCV, que o socorro ficou muito a desejar. Desde da chegado da ambulância até chegar ao hospital,

Tentamos saber onde se encontra hospitalizado e o seu estado de saúde, mas não foi possível saber.

Nuno Silva atingido por seis tiros faleceu, era natural da ilha de São Vicente, mas há já alguns anos que residia na ilha do Sal e a origem deste crime violento terão estado alegados problemas laborais entre as vítimas e o autor dos disparos.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.