Pintura de fachadas “ apesar dos incentivos a CMSV não está satisfeita”

15/01/2018 00:09 - Modificado em 15/01/2018 00:09

Já é costume pela época festiva, a Câmara Municipal de São Vicente isentar os munícipes dos custos nas obras de remodelação e pintura das casas. Uma tentativa de fazer parecer a cidade mais “atractiva, bonita e harmoniosa”, segundo o vereador Rodrigo Martins. Uma medida que se repete todos os anos, mas que ainda não tem deixado satisfeita a edilidade, apesar do progresso verificado.
Segundo o Vereador, é uma medida de que muitas pessoas ficam à esperam e chegam mesmo a contar com a Câmara para conseguirem a isenção. Para Martins, os edifícios pintados dão outra cara à cidade e ressalva que está no código de postura que os munícipes têm de terminar os trabalhos de acabamento de cada construção. Mas não é o que se tem verificado.
“É um incentivo para as pessoas cuidarem do seu património. Uma cidade com edifícios pintados, em termos de imagem, beleza e harmonia urbana, tem um efeito positivo. Estamos a fazer este esforço no sentido de estimular e é uma exigência que está no código de postura.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.