São Vicente: Guerra de gangues faz mais um morto e está apenas começando

2/01/2018 03:19 - Modificado em 2/01/2018 03:19
| Comentários fechados em  São Vicente: Guerra de gangues faz mais um morto e está apenas começando

O jovem Paulo Rocha, 20 anos de idade, é a ultima vítima mortal da guerra entre gangues que reacendeu em São Vicente. Paulo foi morto devido a uma facada que recebeu nas costas, Tudo indica que foi morto por pertencer ou ter amigos referenciados no grupo “Pintcha Andor”. Tudo indica em retaliação pelo ataque cometido no dia 21 de Dezembro contra um elemento do grupo de Fonte Francês, conhecido como “Gangue de Ti Lis”, Embora a namorada de Paulo tenha dito a TCV que Djon, 18 anos, que confessou o crime, “ tinha problemas antigos com o namorado “. O certo é que  se esperava uma reação após o ataque com catanas feito no polivalente de Fonte Francês. A PN temia por “ um ataque de retaliação “ e chegou a deter vários elementos dos referidos grupos, mas passado o período legal teve de os soltar. Nestes casos a PN “ pouco mais pode fazer que tentar sensibilizar os elementos envolvidos e fazer a vigilância possível “. Com esta retaliação, com uma morte, tudo indica que “ abriu uma nova guerra de gangues em São Vicente. E aí está mais uma vítima. Segundo O NN apurou Paulo Rocha foi morto com uma facada na rua Sena Barcelos, no centro da cidade do Mindelo, quando elementos da Ilha da Madeira e de Fonte Francês se envolveram numa briga. O jovem detido diz que reagiu quando foi atingido com uma garrafa na cabeça, Mas testemunhas oculares dizem que “ tudo terá começado com insultos e agressões” A namorada de Paulo diz que foram abordados pelos elementos de Fonte Francês “ houve insultos e garrafadas, mas o Paulo foi atingido pelas costas. Ainda encostou as mãos no meu ombro e depois caiu “. Paulo ainda chegou vivo ao Hospital Batista Sousa, mas não resistiu aos ferimentos e morreu na manhã do dia 1.

 E agora?

A PN acredita que estamos perante “ um episódio que pode degenerar numa espiral de violência “.De facto sabe-se que a única coisa que sacia os envolvidos nestas guerras é a vingança. A aplicação da Lei do Talião: dente por dente, olho por olho. Foi assim no passado. Será assim hoje? A PN vigiou durante o dia de hoje os lugares onde vivem os parentes do autor do crime com medo de represálias. Mas o NN sabe  que  na manhã de hoje elementos do Pintcha Andor  fizeram uma incursão na zona de  Fonte Francês  tentando localizar os outros elementos que participaram do ataque mortal contra Paulo Rocha.

 

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.