Sal: Passageiros retidos há cinco dias devido à bruma seca conseguem viajar

27/12/2017 02:13 - Modificado em 27/12/2017 02:13

Mais de 80 passageiros vindos de Amesterdão, Holanda, retidos no Sal desde sexta-feira, devido à bruma seca em Cabo Verde, conseguiram viajar hoje depois de cinco dias em compasso de espera.

Desde sexta-feira que não há ligações aéreas regulares, domésticas entre as ilhas, devido à  má visibilidade .

Os passageiros da TUI, entre turistas e nacionais provenientes de Amesterdão com destino à ilha do Monte Cara, para passarem o Reveillon, conseguiram viajar esta tarde. Também os cerca de 400 passageiros da TAP, em Lisboa, com o mesmo destino, deverão viajar nas próximas horas, soube a Inforpress.

Em declarações à Inforpress, alguns passageiros desabafam que jamais virão para Cabo Verde nessa altura do ano, enquanto outros, resignados com a situação entendem que “contra a força não há resistência”.

“O problema é da atmosfera… não há nada a fazer. É esperar, porque nada acontece por acaso”, exterioriza Madalena do Rosário que há mais de 15 anos, conforme disse, não vinha passar o fim do ano na sua terra natal.

Fonte : Inforpress

 

 

  1. Maria José

    E os passageiros dos TACV ???

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.