Cidadãos descontentes com serviço de entrega de  pequenas encomendas

18/12/2017 01:49 - Modificado em 18/12/2017 01:49

Um cidadão utiliza a rede Facebook para demostrar a “situação lamentável na alfândega de São Vicente”. E reclama de semanas de espera para que as pessoas possam levantar os seus pertences. Uma situação que tinha ocorrido e da qual tinha reclamado, mas que agora ganha maior dimensão, como tenta evidenciar com a foto de uma grande fila à espera de receber os seus pertences no serviço de alfândegas de São Vicente.

Situação que encontrou eco nas redes sociais e que foi partilhada pelo Movimento Sokols na sua página de Facebook, não só para denunciar a situação, mas também para pedir solução. Vários outros internautas deixaram a sua opinião sobre a situação e os comentários não têm sido nada meigos para com o serviço de entrega de cargas.

A solução apontada pelo autor do post é que “contratem mais funcionários nas épocas altas e que acabem com toda essa morosidade”.  Outro internauta, “na sua humilde opinião”, avança que o problema está nos transitários “que não querem acompanhar a evolução e que continuam a trabalhar de uma forma arcaica”, isto porque acredita que o serviço das alfândegas está bem organizado. Existe uma atenuante para os serviços de alfândega, mas a deploração da situação é visível nos comentários.

“Pois um problema uma solução! É tão simples mas até parece que só gostam de problemas. Se não têm muitos efectivos para trabalharem neste período em que há uma afluência considerável na alfândega, a solução é contratar num curto prazo mais efectivos”. Explica este internauta que um contrato de duração determinado seria uma solução.

“Acho uma falta de consideração e respeito. Porque você envia à sua família uma encomenda e os serviços são responsáveis por darem uma hora certa para se ir buscar a encomenda. Em vez disso, fica-se à espera nas filas e, depois, as pessoas regressam para casa sem nada e, principalmente, são obrigadas a regressarem todos os dias”, como expõe outro internauta. “Situação triste”, comenta outro internauta.

  1. Adones

    Isso é uma afronta Sr. Primeiro Ministro, pelo menos nas Alfândegas de Cabo é uma Vergonha…Os Funcionários dos mesmos sabem somente extorquir dinheiro e roubar as pessoas.“De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça. De tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto.” Num estado democrático existem duas classes de políticos: Os suspeitos de corrupção e os corruptos.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.