Filma mulher a ser atacada por tubarão

13/12/2017 01:26 - Modificado em 13/12/2017 01:26
| Comentários fechados em Filma mulher a ser atacada por tubarão

Imagens mostram pesadelo em lua de mel nas Caraíbas.

Sarah Illig e o marido, Evan Carroll, naturais da Carolina do Sul, EUA, tinham acabado de casar e estavam numa lua de mel de sonho nas Caraíbas. Uma aventura de mergulho revelou-se um pesadelo, quando Sarah foi atacada por um tubarão enquanto o marido filmava. Os dois tinham ido fazer mergulho e sabiam que iam estar perto de tubarões-lixa, mas foi-lhe garantido que os animais não os atacariam. Esta espécie de tubarões habitualmente não ataca humanos, a não ser em questões de alimentação ou quando diretamente provocados (com um puxão na cauda, por exemplo). As imagens mostram Sarah a nadar entre os peixes quando um tubarão-lixa, com perto de 2 metros de comprimento, subitamente morde o braço à jovem. Esta entre em pânico e a algum custo consegue arrancar o braço das mandíbulas do tubarão, nadando rapidamente em direção ao marido. Sarah relata que, inicialmente, não estava a ver o tubarão e pensou que fosse uma partida de Evan. Só quando sentiu uma dor lancinante e um forte puxão é que viu que tinha um tubarão agarrado ao seu braço. “Os óculos de mergulho bloqueavam-me parcialmente a visão e só depois vi um tubarão maior do que eu a puxar-me, a tentar arrancar-me o braço. Eu não fiz nada para o provocar, fui avisada e sabia o que estava a fazer. No vídeo vê-se que estava simplesmente a fazer mergulho”, explica a jovem nas redes sociais. Felizmente a dentada do tubarão não foi profunda e Sarah conseguiu escapar ao ataque com apenas alguns pontos no braço. Ainda que não guarde memórias particularmente felizes do momento, a jovem norte-americana divulgou o vídeo gravado pelo marido nas redes sociais.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.