O agente da PN morto com sete tiros era suspeito de roubo a residências

4/12/2017 07:33 - Modificado em 4/12/2017 07:33

O agente da Polícia Nacional, afecto à Guarda Fiscal, Evandro Lopes, foi assassinado com a sua própria arma, na madrugada de domingo , 3, na localidade de Achadinha Cima era um dos agentes suspeito de estar envolvido em assaltos a residências na cidade da Praia.

De a cordo com um comunicado da PN tudo indica que o crime “foi cometido com a arma do próprio Agente, que instantes antes se encontrava a divertir, numa das discotecas da capital, e que em circunstâncias por apurar terá deslocado à zona da ocorrência, onde entrou em conflito com o suspeito que, supostamente o terá desarmado e baleado com vários tiros”. O suposto autor do crime foi detido e encaminhado à Policia Judiciária que, posteriormente, fará a sua entrega ao Ministério Público

Segundo informações recolhidas pela inforpress, Evandro Lopes, ao passar perto da casa da sua avó, em Tomba Tâmbra (zona onde nasceu e viveu por muitos anos), viu o suposto autor do crime, conhecido por Fender, que também vive em Achadinha, em Ponta Chicharro e que recentemente saiu da cadeia, a descer do veículo com a arma na mão.
De seguida, num confronto directo, Fender conseguiu tirar a arma do agente, e este, por sua vez, pôs-se a correr, mas foi atingido com um tiro na perna e depois levou mais seis tiros no corpo e na cabeça.

 

 

 

  1. Carlos Fortes

    “viu o suposto autor do crime, conhecido por Fender, que também vive em Achadinha, em Ponta Chicharro e que recentemente saiu da cadeia, a descer do veículo com a arma na mão.” (Fim citação)
    Se compreendi bem o texto quer dizer que o suposto autor do crime Fender estava em posse de duas armas. A arma que trazia na mão quando desceu do veículo e a arma que conseguiu subtrair da vítima.
    Uma coisa é certa. Fender quando sair da prisão, caso ele fôr condenado, está garantido dum job como instrutor numa carreira de tiro pois a sua pontaria é tiro e queda.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.