Fogo : MP vai investigar  caso de  adolescente de 12 anos que ficou grávida após abuso sexual

29/11/2017 07:31 - Modificado em 29/11/2017 07:31
| Comentários fechados em Fogo : MP vai investigar  caso de  adolescente de 12 anos que ficou grávida após abuso sexual

O caso de uma adolescente de 12 anos, grávida de doze semanas, foi encaminhado ao Ministério Publico  da Comarca de São Filipe pela esquadra policial e pela delegação do ICCA para a devida investigação e procedimento.

O caso veio ao público depois do pai da vítima, que foi abusada sexualmente, supostamente, por um individuo de maior idade (18 anos) e de que resultou a gravidez, ter apresentado queixa à Policia Nacional e ter dado conhecimento ao Instituto Cabo-verdiano de Criança e Adolescente (ICCA).

Uma fonte do ICCA indica que a mãe da vítima tinha conhecimento do caso mas não denunciou, indicando que a adolescente revelou que o acto foi com o seu consentimento e que além da agressão que resultou na gravidez, a mesma tinha sido abusada sexualmente quando tinha apenas 11 anos de idade.

Quer o “suposto” como o anterior agressor foram identificados e constam do dossiê enviado à Procuradoria pela Policia Nacional.

 

Fonte: Inforpress

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.