Ministro britânico demite-se após acusação de assédio

2/11/2017 00:50 - Modificado em 2/11/2017 00:50
| Comentários fechados em Ministro britânico demite-se após acusação de assédio

O ministro da Defesa de Inglaterra demitiu-se, esta quarta-feira, na sequência de alegações sobre o seu comportamento no passado.

Segundo a imprensa britânica, Michael Fallon tem sido alvo de acusações de conduta sexual imprópria e terá admitido ter colocado a mão na perna de uma jornalista, em 2002.

Na carta de demissão entregue em Downing Street, o ministro garantiu que “parte das acusações são falsas”, no entanto, o político aceita que agiu de forma imprópria “no passado”, pelo que decidiu abandonar o Governo.

“Aceito que o meu comportamento esteve abaixo do esperado e requerido pelas Forças Armadas que tenho a honra de representar”, escreveu.

 

O nome do ministro constará ainda de uma lista de 36 políticos conservadores que estarão envolvidos em acusações de “comportamento sexual impróprio”, revela o jornal “The Independent”.

O presidente da Câmara dos Comuns, John Bercow, pediu esta semana medidas aos partidos políticos contra o assédio sexual, após ter sido conhecido que trabalhadoras do parlamento fizeram uma lista com acusações contra políticos e deputados.

A chefe do Governo britânico, Theresa May, convocou um encontro de líderes dos partidos para debater como lidar com este assunto.

jn.pt

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.