Homem que incendiou a casa da companheira condenado a dois anos de prisão e a pagar indemnização de 300 contos

22/10/2012 00:06 - Modificado em 22/10/2012 15:10

O juiz ordenou que o indivíduo, de 38 anos, que ateou fogo à casa da ex companheira pague uma indemnização no valor de 300 contos pelos prejuízos causados a vítima. Por outro lado o arguido foi condenado a uma pena de dois anos e dez meses de prisão pelo crime de Violência Baseada no Género.

Depois de perseguir e ameaçar a vítima durante dois anos, em Abril de 2012, o arguido atirou um cigarro aceso para o interior dessa residência e na sequência de um incêndio o fogo consumiu todos os pertences da ex companheira.

De acordo com o juiz “ a verdade é que o acusado não aceitou a ruptura da relação entre o casal. Por isso passou a perseguir a ofendida que recorreu ao tribunal para resolver a sua situação. Este tribunal exortou uma atitude pedagógica com o arguido no sentido de evitar essa perseguição gratuita, mas este decidiu ir ao extremo e ateou fogo à casa da ex companheira”.

Por isso o juiz entendeu condenar o acusado numa pena de dois anos e dez meses de prisão, porque perante a lei a sua conduta foi grave.

E ordenou que este pague uma indemnização no valor de 300 contos à vítima pelos transtornos causados pelo incêndio.

  1. Marlene Dos Reis

    são 2 anos e 10 meses de prisão…

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.