Cabo-verdiano condenado a pena de 10 anos de prisão na Itália

24/10/2017 00:59 - Modificado em 24/10/2017 00:59
| Comentários fechados em Cabo-verdiano condenado a pena de 10 anos de prisão na Itália

Trata-se do jovem Edson Tavares de 29 anos que em Janeiro deste ano terá agredido com ácido a ex-miss Emília Notaro tendo-lhe desfigurado o rosto.

Segundo o jornal UOL notícias italianas, o jovem vai agora cumprir 10 anos de prisão e terá ainda de pagar 230 mil euros de ressarcimento à vítima. Após cumprir a pena, o mesmo deverá ser expulso da Itália.

O Tribunal italiano considerou como “grave” a conduta de Edson Tavares e assegurou que o crime foi intencional e premeditado. O ciúme foi considerado um dos motivos que levaram o cabo-verdiano a cometer o crime. A juíza assegurou que se tratou de motivos “fúteis e de crueldade”.

 

O advogado de defesa Riccardo Luzi, já prometeu recorrer da decisão e afirmou que o processo é alvo de “pressão mediática” exercida, “sobretudo, pela parte ofendida”.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.