Desporto ‘mata’ interesse sexual das mulheres, diz estudo

23/10/2017 23:56 - Modificado em 23/10/2017 23:56
| Comentários fechados em Desporto ‘mata’ interesse sexual das mulheres, diz estudo

Cientistas da Universidade da Carolina do Norte, nos Estados Unidos, revelaram que a atividade desportiva intensa leva a uma queda do desejo sexual nas mulheres.

treino intenso até pode aumentar os níveis de energia e deixar a mulher mais confiante e agradada com o próprio corpo, mas, diz a ciência, o treino intenso pode ser ‘fatal’ para o apetite que elas têm por sexo.

A informação foi publicada no jornal The Sun, que noticia que os especialistas chegaram a tal conclusão depois de examinarem os dados sobre a atividade física e a vida sexual de um conjunto de mulheres, algumas delas ativas, outras nem tanto.

A pesquisa mostrou que as mulheres que treinam mais e de forma mais intensa passam horas a fio no ginásio e procuram ver-se livres por completo da gordura… acabando por centrar todas as atenções nisso. E onde entra aqui o sexo? Pois bem, diz o estudo que as mulheres que se focam em demasia no treino acabam por não pensar em mais nada e por sofrer consequências internas a nível hormonal que levam à queda do apetite sexual.

Na prática, o funcionamento da hipófise nas mulheres que treinam muito fica danificado e, como resultado, o organismo não produz uma quantidade suficiente de testosterona e estrogénio – as hormonas responsáveis pela libido nas mulheres.

Os cientistas salientam que a atividade física deve ser praticada com moderação porque, para o funcionamento normal do sistema reprodutivo, o organismo feminino precisa de ter alguma quantidade de tecido gorduroso.

ttps://www.noticiasaominuto.com

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.