Indícios apontam que ossadas encontradas  no Madeiral são de uma mulher

17/10/2017 05:11 - Modificado em 17/10/2017 16:14
| Comentários fechados em Indícios apontam que ossadas encontradas  no Madeiral são de uma mulher

Os indícios encontrados nas ossadas e junto delas indicam que se trata de uma mulher. Moradores do Madeiral que viram as ossadas, antes de a Policia chegar, dizem que no crânio havia um tufo comprido de cabelo. E junto das ossadas havia uma saia e sapatos de senhora. Também disseram ao NN que “ as ossadas não estavam enterradas “. No terreno  constámos que os restos mortais estavam num recanto do matagal junto de árvores maiores e não no meio do descampado. Os especialistas defendem que “ o tempo de decomposição de um corpo também dependerá intimamente do local onde ele foi depositado. O tempo que um corpo leva para se decompor ao ar livre é de duas a seis semanas, pelo livre acesso dos insetos e animais carniceiros “. Agora resta saber quando o corpo foi colocado ou chegou a esse local. A PJ está a trabalhar para identificar o cadáver, mas tem a tarefa simplificada porque o crânio tinha os maxilares intactos. Assim vai-se confirmar se de facto os restos mortais são de uma mulher e que é essa mulher.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.