MCIC abre concurso para incentivo ao Carnaval 2018 para os municípios com excepção  de São Vicente e de São Nicolau

10/10/2017 02:04 - Modificado em 10/10/2017 02:42

O Ministério da Cultura e das Indústrias Criativas, através da Direcção-Geral das Artes e Indústrias Criativas, abre processo selectivo de atribuição de incentivos às Câmaras Municipais para a organização do Carnaval 2018, através de edital publicado na sua página oficial.

Conforme o artigo 1 do referido edital, este destina-se exclusivamente, à selecção dos projectos de Carnaval para todas as entidades locais e municipais de Cabo Verde, à excepção das ilhas de São Vicente e de São Nicolau.

De acordo com este edital , o Carnaval constitui uma das manifestações culturais do nosso país e todos os municípios encontram-se engajados a celebrar e festejar através dos desfiles a festa do Rei Momo. E as Câmaras Municipais têm vindo a promover as actividades carnavalescas em Cabo Verde, “contribuindo para um crescimento económico do sector e o aumento da performance dos grupos carnavalescos”, tendo como missão promover a democratização da cultura, garantindo o acesso dos cidadãos à criação, à fruição cultural, bem como, estimular as economias criativas e a cultura popular. Neste sentido, uma das medidas políticas do MCIC é incentivar o Carnaval através das Câmaras Municipais, proporcionando a distribuição de renda de forma a estimular os grupos de carnaval a melhorarem a sua participação nos desfiles, bem como disponibilizar ao público um produto final consumível e de qualidade, escreve a mesma fonte.

Realça ainda que o incentivo ao Carnaval é uma política “activa de estímulo à criatividade dos grupos carnavalescos, uma vez que se pretende incentivar todos os serviços à volta do evento, pois estão envolvidos de forma directa e indirecta várias classes de profissionais que irão ter acesso a esse incentivo”.

As Câmaras Municipais devem apresentar a sua candidatura até ao dia 20 de Novembro ao MCIC.

 

 

 

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.