:  contribuir para a melhoria da qualidade de vida dos cabo-verdianos

29/09/2017 03:22 - Modificado em 29/09/2017 03:22
| Comentários fechados em :  contribuir para a melhoria da qualidade de vida dos cabo-verdianos

A empresa de telecomunicações Unitel t+ tem vindo a desenvolver um conjunto de acções sociais da Campanha Cruz Laranja. Em entrevista ao NN, Aláudio Ramos, Relações Públicas da UNITEL revela que as iniciativas têm como propósito contribuir para a melhoria das condições de vida dos cabo-verdianos.

Para além dos serviços oferecidos aos clientes, a Unitel preocupa-se com questões sociais, daí ter estabelecido a política de responsabilidade social. A Campanha Cruz Laranja é responsável para tratar desses assuntos.

As iniciativas de acções sociais da “Cruz Laranja” da Unitel t+ abrangem um leque de áreas sociais desde o desporto, passando pela educação, saúde, habitação e ambiente.

Para Aláudio Ramos, o propósito destas iniciativas é contribuir para que as crianças tenham acesso a uma educação igualitária e de qualidade, considerando que “a base de qualquer sociedade é a educação”.

As despesas com os materiais escolares são sempre uma preocupação para os pais e encarregados de educação, sobretudo nas famílias mais humildes. A nível da educação, a Unitel abraçou a causa colocando em marcha o programa de distribuição de Kits Escolares a diversas crianças do Ensino Básico, através de parcerias com a Associação Black Panthers na cidade da Praia.

No que toca ao ambiente e sensibilização de boas práticas, resta sublinhar as campanhas de limpeza desenvolvidas nas praias. Uma das grandes bandeiras é a campanha da protecção e conservação das tartarugas em parceria com a Direcção Nacional do Ambiente.

Com base nalguns estudos realizados a nível da saúde infantil, constatou-se que os três maiores problemas são as doenças bocais, cutâneas e da visão. Neste sentido, a “Cruz Laranja” tem vido a desenvolver um projecto para ajudar a melhorar a saúde das crianças.

A saúde oral foi a primeira aposta tendo sido desenvolvida em diferentes ilhas do país trabalhando não só no tratamento dentário como também em acções de sensibilização das crianças e dos próprios pais. A terceira e última fase deste projecto deverá contemplar as ilhas de Santiago, Maio, Fogo e Brava.

Falando ainda da habitação, um dos problemas sérios do país, a Unitel através de parceiros apoiou a construção de uma casa de abrigo para crianças vulneráveis que nasceu na cidade de Assomada.

Já a nível desportivo, a empresa tem apostado fortemente nas modalidades de futebol, basquetebol, atletismo e desportos náuticos.

Aláudio Ramos conclui sublinhando que “a Unitel não pretende apenas oferecer a melhor rede, telefone, bons serviços e produtos, mas contribuir também para melhorar o desenvolvimento de Cabo Verde”.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.