Juiz manda para a prisão homem que incendiou a casa da companheira

19/10/2012 00:52 - Modificado em 19/10/2012 00:52
| Comentários fechados em Juiz manda para a prisão homem que incendiou a casa da companheira

Um indivíduo ,de 38 anos ,acusado de atear fogo à casa da ex companheira, na zona de Espia, está a ser julgado pelo Juízo Crime de São Vicente. Depois de ser vítima de perseguição e ameaça durante dois anos, a ofendida arrecadou um prejuízo de cerca de 300 contos, já que o fogo consumiu todo o recheio da sua casa.

 

O Juízo Crime da Comarca de São Vicente procedeu ao julgamento do processo-crime que acusava um ex trabalhador de construção civil de ter ateado fogo na casa da sua ex companheira. O caso aconteceu a 12 Abril de 2012 na zona de Espia, na ausência da vítima estava a residir em outra localidade.

O arguido confessou ter atirado um cigarro aceso para o interior da residência, mas defendeu que estava sob efeito de bebidas alcoólicas. Porém foi por causa da dependência do álcool que a relação do casal chegou ao fim em 2010. Isto porque a ofendida estava a ser vítima do crime de Violência Baseada no Género.

A vítima afirma que “Por estar a ser perseguida e ameaçada deixei a minha casa em Espia para morar com um familiar. Tomei esta decisão para não correr mais riscos, porque avisou-me que ateava fogo à casa. E de facto volvido alguns meses executou o seu plano e destruiu todo o recheio do meu lar e os equipamentos do meu bar”.

Perante esta situação, o representante do Ministério Público pediu a condenação do arguido, numa pena efectiva, porque teve uma conduta gravosa. Por outro lado justificou que a medida de prevenção geral é a mais adequada ao caso, dado que a vida da vítima voltou a tranquilidade depois que o ex companheiro foi para a prisão.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.