MAI   confirma investigação a três agentes da PN suspeitos de assaltos a residências

18/09/2017 06:51 - Modificado em 18/09/2017 06:51

Os três agentes terão sido apanhados pelas câmaras de vigilância.

Em declarações à Rádio de Cabo Verde, Paulo Rocha, Ministro da Administração Interna, confirmou a investigação que está a ser levada a cabo pela PJ a três agentes da Policia Nacional, por suspeitas de envolvimento em assaltos a residências na ilha de Santiago.

Paulo Rocha disse que a Polícia Nacional  é uma instituição centenária constituída por mais de 1800 efetivos e que o que aconteceu com os três efectivos suspeitos de assaltos não pode desmotivar a corporação.

Os três agentes em causa terão sido apanhados pelas câmaras de vigilância cometendo assaltos na ilha de Santiago

  1. Figueiral

    O mais trágico desta peça teatral é que a mesma não é um caso isolado mas simplesmente a ponta do icebergue.
    Existe no corpo da Polícia uma mentalidade e uma cultura de não denúnciar actos ilícitos e condenáveis dos colegas e chefias por razões de fidelidade e solidariedade para com os colegas e chefias. Além disso as repercussões que podem advir de tais denúncias podem ser desastrosas para o denunciante razão porque esses casos são quase sempre empurrados para debaixo do tapete.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.