PJ investiga suposto rapto de mãe e filho desaparecidos desde 28 de Agosto

14/09/2017 12:08 - Modificado em 14/09/2017 12:08

A Polícia Judiciaria (PJ) continua a investigar o paradeiro da criança de um mês e de sua mãe que se encontram desaparecidos desde 28 de Agosto, após deixarem a casa para se dirigirem ao centro de saúde no bairro da Fazenda, Cidade da Praia

Segundo fontes da PJ, está difícil descobrir o paradeiro da mãe e do filho, supostamente raptados, uma vez que, as duas pessoas ouvidas no Ministério Público, não revelaram o local onde estes podem estar.

A mesma fonte informou ainda que das duas pessoas ouvidas, uma jovem ficou em liberdade por ser menor de idade, mas um indivíduo estrangeiro de sexo masculino está em prisão preventiva.

A PJ apela ao envolvimento da população nessa investigação, para que possam detetar o mais rápido possível o paradeiro de Edine Soares de 19 anos de Idade e seu filho Maurício Soares, de um mês, por se tratar de um caso preocupante e que envolve menor.

Segundo informações da família, a jovem saiu de casa em Achada Grande Frente, onde vivia com o companheiro, para levar o filho à Delegacia de Saúde na Fazenda, para o controlo de rotina do bebé, e nunca mais voltaram a ter qualquer sinal de vida.

 

Inforpress

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.