Esgotos: a preocupação do momento

24/08/2017 04:34 - Modificado em 24/08/2017 04:34
| Comentários fechados em Esgotos: a preocupação do momento

A questão dos esgotos tem chamado a atenção nestes dias no Mindelo. A internet, nas redes sociais, tem sido espaço para postagens sobre o assunto. Algumas zonas têm reclamado do cheiro e da água a correr. O cheiro intensifica-se com o sol, para desagrado dos cidadãos. Ribeirinha, Bela Vista, arredores da cidade, todos com esgotos abertos.

O descontentamento é generalizado, entre críticas e conformismo, com uma situação recorrente, o pedido é que seja tomada uma “previdência”, com vista à resolução da situação. O NN verificou as situações que mais preocupam nesta época das chuvas: os esgotos a céu aberto figuram entre as principais. A suspeita ganha forma quando a situação continua verificar-se.

“É uma situação preocupante que todos os anos se vive e, este ano, começou cedo”, constata Kévin Andrade. Os dedos no nariz perto dos “locais de risco” são a defesa utilizada para se salvar da situação.

“Gostaríamos que não houvesse este tipo de situação”, avança Dai Sousa, mas ressalta que o sistema de esgoto em São Vicente aguenta este tempo, e defende a dificuldade em ter uma rede estável. E não é apenas o único que diz que “o sistema de esgoto é mal feito”, uma vez que a cidade é maior do que antigamente. Sérgio Dias, cidadão insatisfeito, pede alguma medida para melhorar a situação.

Sobre o assunto, o líder do PAICV em São Vicente, Alcides Graça, na sua conta do facebook mostra a própria indignação, demonstrando o início do problema. “São Vicente, nos dias de chuva (e nem é preciso muita chuva), transforma-se num autêntico esgoto a céu aberto. Isto deve-se, em grande parte, à falta de fiscalização da Câmara, que vem permitindo aos munícipes de canalizar, ilegalmente, as águas pluviais dos terraços e quintais directamente para a rede de esgoto, causando, desta forma, a saturação da rede, cuja pressão faz saltar inevitavelmente as caixas de esgoto”. E o resultado, segundo Graça, “está à vista de todos”.

Em conversa com os serviços de piquete, estes revelam a abertura dos esgotos em várias zonas, afirmando que tudo têm feito para resolverem as situações que vão aparecendo.

  1. antonio silva

    Estranho é vocês ficarem a leste, do cheiro proveniente das fabricas de lazareto que agora invade toda a cidade, chegando mesmo a chã de alecrim perturbando a todos os residentes. A direcção do vento é que determina qual será a zona a ser fustigada pelo mau cheiro.
    Sabem porquê até agora ninguém faz nada para resolver este problema que afecta todos mindelenses ? Tem políticos empresários na área.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.