FCF: Mário Semedo avança para a presidência numa lista com  Gerson Melo e Rui Évora 

23/08/2017 05:58 - Modificado em 23/08/2017 05:58

Este online sabe que Mário Semedo, ex-presidente da Federação Cabo-verdiana, vai se candidatar a presidência da FCF nas eleições marcadas  para 30 de Setembro. Mário Semedo cedeu as pressões de vários dirigentes desportivos nacionais e da FIFA e da CAF para se candidatar ao cargo que deixou em 2015. Mas, Semedo impôs como condição que fosse cabeça de uma lista “ congregadora de várias vontades e sensibilidades e que tivesse como fim trazer para a FCF personalidades com provas dadas ao serviço do futebol como principal objetivo de restaurar a credibilidade perdida “. Mário hesitou muito até saber que reunia apoios também fora da tribo do futebol, na chamada sociedade civil que denunciou, criticou o estado em que a equipa de Osório deixou a FCF. Pois, o momento não clama apenas por  dirigentes capazes “ mas sobretudo uma convergência de vontades para reconquistar o respeito e credibilidade que o nosso país desfrutava no mundo do futebol”. E é neste sentido que surgem os nomes de Gerson Melo,  Coordenador do Desporto da CPLP e instrutor da CAF, e Rui Èvora, antigo presidente do Sporting Club da Praia, que eram apontados como os melhores candidatos caso o ex- presidente não avançasse, como integrantes da lista de Mário Semedo. O NN sabe que estas duas personalidades reconhecidas com competência para contribuir para o “resgate e credibilidade  do futebol “ vão abandonar os sesu projectos pessoais de candidatura  para contrbuir para a criação de uma lista “congregadora de vonatdes e sensibilidades , mas não de consensos “

Este online apurou que  a maiorias das Associações  que tiveram conhecimento desta solução   manifestaram o seu apoio .

 

 

  1. Julio Goto

    …espero que os rastos deixado pelo Semedo sejam relembrados.
    Todos sabem que ate o primeiro ministro JMN desconfiou
    Que a Catcupa ( Tunisia x Cabo Verde) tinha TUCIM.

  2. Aristides Sousa Dias

    Apoio em 100% a candidatura do Mário Fernandes

    Ele já deu provas da sua capacidade de liderança, e é capaz de criar consensos entre as equipas de futebol em Cabo Verde

    Força rumo a vitória

  3. Talita

    Esse mario Semedo é mesmo um latoso. Pressionar pessoas e imprensa para lhe pressionar a concorrer, que vergonhoso. Como o MPD não lhe nenhum cargo, ele quer transformar a FCF no reduto de poder dele para poder sair daquele cantozinho do INPS onde esta confinado sem fazer nada. E depois, pergunto: quanddo é que a CAF e a FIFA interferiram em eleições internas? Se o senehor for honesto, venha a praça desmentir isso. Já!

  4. Elísio Semedo

    Da minha parte não está em causa o valor e a credibilidade do Maruca. Contudo, para certos casos deve prevalecer o princípio «de não se regressar à mesma casa». Da minha parte não aprovo o teu regresso por mais que venhas a ter os sucessos. Uma questão de princípio. Um sector em que não haja espaço de renovação na continuidade é um sinal de fracasso. A tua posição deve ser de conselheiro. Se fosse um lugar onde, ao menos, terias um salário, muito bem. Mas, neste caso, não. Não há necessidade. Temos de ter herdeiros para seguir a caminhada. É a minha opinião mas podes crer que terás sempre o meu apoio pelo menos moral em qualquer decisão tua. Apenas não aprovo. Para que serve a nova geração?

  5. Jaime da Rosa

    O Mário Semedo é a melhor pessoa para ocupar esse cargo nesse momento. Ele já levou a nossa selecção no topo de África nos ranking da FIFA, conhece muito bem a casa e pode muito bem voltar a recuperar o respeito e a dignidade que Cabo Verde tinha.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.