Assalto a uma funcionária da CABIVEL eleva para dois  os assaltos a mão armada

21/08/2017 07:25 - Modificado em 21/08/2017 14:15

No espaço de 30 dias verificou-se  dois assaltos  a mão  armada   em São Vicente .   No inicio do mês uma casa de cambio foi assaltada. E na ultima sexta –feira uma funcionária da Cavibel teve que entregar  1300 contos a um homem que lhe apontou uma pistola a cabeça .

A  referida funcionária  já se encontrava dentro do carro que a iria transportar ao banco, para realizar o depósito , quando surgiram dois indivíduos com capacetes escuros numa moto. Um deles desceu e dirigiu-se  à viatura  e  apontou uma arma de fogo à funcionária e arrebatou uma bolsa  que tinha os cheques e o dinheiro e depois fugiram.

Os assaltos a mão armada são raros em São Vicente  devido ao facto da ilha ser pequena e não possibilitar a fuga . Mas o meliantes tem optado por usar motas para fugir .  No dia 7 de Julho no super mercado Fragata  um  homem, com um capacete na cabeça de forma a tapar o rosto, entrou pela porta lateral no quiosque onde se vendem produtos da CVMóvel, junto a Agência Nacional de Viagens frente a Praça D. Luís. Chegou 8 segundos depois do saco com 700 contos ter sido depositado por um funcionário no referido quiosque que não dá acesso ao interior supermercado .Sem usar armas ou violência pegou no saco e saiu . Cá fora, do lado do Café Mindelo, tinha um cúmplice que o esperava numa motocicleta  .

O certo  é que os assaltantes têm conseguido sumir sem deixar rastos

  1. Figueiral

    Não só a Polícia Judiciária mas também a Direção do Cavibel não deve, quando das suas investigações, apenas fixar a sua atenção em agentes exteriores mas também nos seus funcionários evitando assim a visão de túnel, o que pode ser fatal nas investigações.
    Muitos vezes são os funcionários da Empresa que fornecem esses dados aos meliantes pois estão a par dos movimentos financeiros e de todos os detalhes que facilitam aos meliantes as suas ações.
    Também investigar o comportamento financeiro dos funcionários de acordo com o seu salário pois a tentação de exibir o poder financeiro é enorme e é infelizmente uma componente negativa da nossa cultura adquirida nas últimas décadas.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.