Adilson Nascimento: “Sem dúvidas a pior direcção da FCF que tivemos”

18/08/2017 07:45 - Modificado em 18/08/2017 07:45
| Comentários fechados em Adilson Nascimento: “Sem dúvidas a pior direcção da FCF que tivemos”

“Fica muito difícil defender Osório, mesmo sendo ele o principal culpado pela péssima fase que o futebol nacional enfrenta actualmente, com uma imagem cada dia menos credível”, começa assim uma das acusações contra o dirigente da Federação Cabo-verdiana de Futebol.

Ainda na novela nacional de futebol, a população de São Vicente tem apresentado nas redes sociais uma frente unida em defesa da sua equipa, detentora do título regional e nacional que, neste momento, se encontra num autêntico imbróglio.

A Associação Regional de Futebol, ex-dirigentes e diversos cidadãos, neste momento, pedem a cabeça do Presidente da FCF, que acusam de “incompetente”, entre outros adjectivos que em nada abonam a seu favor.

Nas redes sociais, os ataques correm soltos contra a actual direcção da Federação de Futebol, assim como as mensagens de apoio a favor da equipa campeã nacional, desde jogadores, associações a antigos dirigentes do clube que se mostram solidários com o calvário provocado pela Federação de Futebol.

Nisto, o ex-Presidente do histórico de Cabo Verde, Adilson Nascimento, acredita que a melhor forma de “acalmar” as coisas é que Vítor Osório peça a sua demissão, isso, se “lhe restar alguma vergonha na cara e pedir as demissões antes de pôr o futebol de Cabo Verde numa posição sem volta. Pois já destruiu o trabalho feito pelo anterior Presidente Mário Semedo”.

Mas as críticas não ficam por aqui. Numa entrevista pelas ruas da cidade, a população, como não poderia deixar de ser, manifestou o seu apoio à equipa da casa, uma das “infelizes vítimas da incompetência de uma Federação que não sabe o que está a fazer e não conhece os meandros do futebol nacional”.

Eleito em 2015 para ocupar o cargo máximo do futebol nacional, o jurista assumiu o posto com o objectivo de trabalhar o futebol nacional. Provavelmente nem ele e nem a directoria esperavam num 2017 tão difícil: “uma directoria incompetente, que a cada decisão prova que não sabe o que faz e que, simplesmente, faz o que bem entender, sem ver os factos”, critica Paulo, jogador de futebol.

Doze clubes federados de São Vicente decidiram, esta quarta-feira, por unanimidade, apoiar a destituição da actual Direcção da Federação Cabo-verdiana de Futebol encabeçada por Vítor Osório na Assembleia-Geral Extraordinária da F.C.F. que acontece este sábado, antes do pontapé de saída da final que acontece um dia depois. Uma reunião convocada por nove associações regionais, com o objectivo de analisar a situação do futebol nacional e decidir em relação às conclusões.

 

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.