Encontro de novas Vozes: uma estreia de vozes no festival Baia das Gatas

11/08/2017 04:18 - Modificado em 11/08/2017 04:18

Num, ano em que o Festival de Baia homenageia os jovens mindelenses, a autarquia reúne um leque de novos talentos da música nacional. Débora Paris, Odailine Tavares, Dainira Veríssimo, Josimar Gonçalves, Sílvia Medina e Josslyn são os convidados para o “Encontro de novas vozes”.

Josslyn Medina

Joceline Medina, a jovem cantora de Santo Antão participou na 5º edição do concurso “Ídolos” em Portugal e ficou entre os 12 finalistas e também na “Casa do Líder”. Em 2015 adaptou o nome artístico para “Josslyn”.

Caracterizada por uma voz forte e um estilo arrojado, tem conquistado muitos fãs. Em 2016, a cantora Josslyn Medina lança o seu primeiro CD, intitulado “Josslyn”, com 11 faixas.

Débora Paris

Débora Paris filha do músico, Zé Paris, ex-baixista da banda de Cesária Évora, é uma voz que está a ganhar projeção nas noites culturais do Mindelo. Sobrinha de Tito Paris, pisou um palco, pela primeira vez em Portugal, na Casa da Morna, em 2015 acompanhada pelo tio Tito Paris.

Em 2012 participou no concurso Todo Mundo Canta em São Vicente, tem arrecadado o prémio de segundo classificado.

Dainira Veríssimo

Dona de uma voz potente, esta jovem de 19 anos, sobe pela primeira vez, ao maior palco de festival do país, na 33ª edição do certame. Foi a grande vencedora do concurso de talentos de vozes “Todo Mundo Canta”, edição de 2016, realizado em São Vicente.

Sílvia Medina vencedora do concurso nacional de música Estrela Pop.

Josimar Gonçalves Odailine Tavares completam o leque de jovens artistas nacionais a subir ao palco no segundo dia do festival.

Destaque 1

Campeonato Nacional: Mindelnses não vai estar presente na meia final porque os jogadores já foram dispensados

A GreenSports noticiou quinta-feira, em primeira mão, que a equipa do Mindelense vai marcar presença no jogo da primeira mão das meias-finais, no domingo, em São Nicolau, tendo inclusive já entregue uma lista de 22 elementos à FCF, com 18 jogadores e quatro elementos da equipa técnica, mas uma fonte do clube encarnado aponta que não haverá jogo.

O Mindelense marcou, mais uma vez, a sua posição perante a decisão da FCF em agendar o jogo da primeira mão para este domingo, 13, de não comparecer para a disputa do jogo. A notícia veiculada nesta quinta-feira pela GreenSports dá conta que os Leões da rua de Praia estão determinados em comparecer na Ilha de Chiquinho e disputar o jogo com o Ultramarina.

Ora, contactada pelo NN, uma fonte do clube do Mindelo aponta que não houve ainda nenhuma informação nesse sentido e que os atletas não estão preparados para este embate, pois os treinos foram suspensos há quase duas semanas. A mesma fonte sustenta que o tempo também é curto e que se tivessem de marcar presença no jogo, teriam de viajar antecipadamente mas que, na ausência de informações por parte do clube tetracampeão nacional, tudo leva a crer que não haverá jogo.

 

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.