Mulher vive sozinha há 40 anos numa ilha deserta Cientista passa os seus dias a colecionar crânios de cavalo para uma investigação que está a desenvolve

27/07/2017 09:55 - Modificado em 27/07/2017 09:59
| Comentários fechados em Mulher vive sozinha há 40 anos numa ilha deserta Cientista passa os seus dias a colecionar crânios de cavalo para uma investigação que está a desenvolve

Zoe Lucas, de 67 anos, vive numa casa de madeira na Ilha de Sable, na costa do Canadá, coberta por nevoeiro cerca de 127 dias por ano e sem quaisquer habitantes. Apesar da névoa, Zoe sente-se em casa, no meio da paz e do sossego – com quatrocentos cavalos, um rebanho de 300 mil animais e 350 espécies diferentes de pássaros, que lhe fazem companhia. Em 1971, com 21 anos, enquanto estudante, Zoe visitou a Ilha de Sable, e ficou rendida. Pouco depois, mudou-se para lá, onde vive há 40 anos. Em declarações ao MailOnline Travel, Zoe disse que “eu queria tanto vir para cá (…) no início, vim por causa dos cavalos”. Hoje, como cientista, a mulher de 67 anos raramente visita a cidade que a viu nascer: a capital Halifax, na nova Escócia. A mulher insiste que não se sente sozinha, uma vez que tem imensa coisa para explorar e imensos animais a rodeá-la. Para chegar à ilha, ou de barco ou de avião: e não é um sítio que os turistas visitem muitas vezes. A ilha é conhecida como o “cemitério do Atlântico”, depois de mais de 300 naufrágios. Existem mais de 400 cavalos a viver na ilha, depois de serem trazidos no início do século 18, para ajudar os agricultores. Durante as quatro décadas em que viveu na ilha, ela encontrou várias coisas que chegavam do mar: uma geleira, uma perna falsa, embalagens com pimentas frescas e até um contentor para transportar carga.  Zoe passa os seus dias a estudar ecologia e a colecionar crânios de cavalo, para que os cientistas possam descobrir como é que, com o passar dos animais, os animais conseguiram adaptar-se à ilha. Em 2013, a Ilha de Sable tornou-se um Parque Nacional de Resert

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.