Francisco Carvalho :” como é que a elite mindelense colocou nas mãos dos outros  a responsabilização pelo seu destino “

4/07/2017 08:08 - Modificado em 4/07/2017 10:30
| Comentários fechados em Francisco Carvalho :” como é que a elite mindelense colocou nas mãos dos outros  a responsabilização pelo seu destino “

Enquanto, por estes dias , alguns ditos meninos de soncent  se entretém nas redes socias em prós e contra manifestação  de 5 de Julho,  de Santiago , mais concretamente do online Santiagomagazine  chega um “soco no estômago “.O colunista Francisco Carvalho  dirigindo-se ao que chama de elite mindelense  começa por dizer  que não compreende  “como é que uma elite que sempre reivindicou para si o papel de liderança cultural do país, coloque nas mãos dos “outros” a responsabilização pelo “destino” que a ilha tem seguido”. Depois questiona  a liderança cultural “  quantos profissionais das artes cénicas, teatro e cinema, sairiam para o mercado como fruto desses 20 anos do “MindelAct”? Quantos postos anuais de trabalho iria trazer o “Cavala Fresk Festival”? Quantos empregos criariam as 31 edições do “Festival Baía das Gatas” para além do seu regresso à “estatização” face ao fracasso da sua “privatização”?.

Para abrir o debate , com  a devida vénia ao SantiagoMagazine  ,publicamos na integra o artigo de Francisco Carvalho-

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.