Condutores reclamam falta de iluminação e animais na estrada no Palmarejo – Rª Grande

19/06/2017 03:22 - Modificado em 19/06/2017 03:22
| Comentários fechados em Condutores reclamam falta de iluminação e animais na estrada no Palmarejo – Rª Grande

A estrada que dá acesso ao Palmarejo da Ribeira Grande de Santiago está completamente às escuras. Durante largos quilómetros, os condutores transitam apenas com as luzes dos faróis. A escuridão por falta de iluminação pública levou condutores, passageiros e peões a exigirem a colocação de luminárias no sentido de garantir maior segurança nas estradas. Uma outra reclamação tem a ver com os animais que vagueiam nas estradas durante o dia e a noite causando acidentes.

A situação dessa via que dá acesso ao Concelho da Ribeira Grande de Santiago urge de intervenção por parte da Electra de modo a permitir uma maior segurança na estrada evitando perigos irreparáveis como a perda de vidas humanas.

A preocupação é dos condutores, passageiros e peões ouvidos pelo NN. Helena Silva reside na zona de Terra Branca e faz o trajecto Terra Branca – Cidade Velha praticamente todos os fins-de-semana para visitar a mãe. Embora até ao momento não tenha registado qualquer incidente, a entrevistada assegura que a falta de iluminação tem revelado um grande perigo para quem se movimenta nesta estrada, por isso, acredita que é urgente iluminar o local.

Jailson, aluno da Uni Peaget, defende que os alunos que frequentam as aulas no período pós-laboral têm sido vítimas de assaltos sendo a falta de iluminação uma das situações que tem facilitado os criminosos, portanto, apela à atenção das autoridades no sentido de resolverem a situação que muito os tem prejudicado.

António Semedo, condutor, avança que para além desses problemas muitos animais já foram atropelados. “Assim como acontece com um animal o perigo também está à espreita para com qualquer pessoa. Tenho visto por aqui pessoas a caminharem, por isso, não deixa de ser preocupante”.

Para além da falta de iluminação e de animais na estrada, os peões reclamam ainda da inexistência de passeios que lhes permitem caminhar em segurança.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.