Crime passional  : jovem  mata mulher grávida  e suicida-se

19/06/2017 03:06 - Modificado em 19/06/2017 19:48

 Dicha Évora,  35 anos,   matou a  companheira  Cilene Patrícia,30 anos, asfixiada  e depois enforcou-se numa árvores na zona do Club de Golfe de São Vicente  , na Ribeira de Julião 

 Cilene Patrícia foi encontrada morta dentro de um carro  perto do local onde Dicha se enforcou numa árvore .  A  causa da morte da  jovem foi asfixia,  embora o  pescoço dela tenha sido  foi partido , tudo indica que foi devido a força usada para a asfixiar . Mas a  analise ao corpo revelou que Cilene estava grávida  de três meses “. O corpo do homem foi encontrado pendurado numa árvore sem vida. A causa da morte é o estrangulamento provocado por uma corda. Os elementos recolhidos no local do crime  indicam que houve premeditação .Ou seja que o companheiro planificou e executou o assassinato e depois suicidou-se e não  foi o resultado de uma briga ou de um descontrolo momentâneo . Com base nesses indícios    e em  depoimentos recolhidos  a PJ  tem com certo que estamos perante um crime passional  cujos contornos ainda estão por esclarecer  . Com base em declarações a investigação aceita  que havia desentendimentos entre o casal  e que estavam num processo de separação . E segundo um dos relatos  “  há algum tempo  o homem terá levado a mulher para o mesmo local  e que a agrediu , mas que ela consegui escapar e chegou em casa seminua “

O casal morava na zona de Chã de Cemitério  tinha dois filhos menores

 

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.