FRESCOMAR já pode exportar para UE

13/06/2017 00:53 - Modificado em 13/06/2017 00:53
| Comentários fechados em FRESCOMAR já pode exportar para UE

O ministro dos negócios  estrangeiros ,Luís Filipe Tavares,  anunciou a entrada em vigor   da derrogação de um ano a exportação do atum, enquanto para melvas e cavalas o período é de dois anos, com efeitos retroactivos a Janeiro deste ano. E uma boa noticia considerou o ministro “Isto permitirá resolver todos os pendentes no domínio da exportação do pescado para a União Europeia”. O chefe da diplomacia cabo-verdiana  adiantou  que  Governo está interessado em celebrar um acordo comercial com a UE para “não estar anualmente a pedir derrogações”. Situação que no inicio do ano levou a FRESCOMAR , empresa sedada em São Vicente e que exporta pescado para UE a suspender a  produção  e a mandar para casa 300 c 400 trabalhadores . Isto porque a autorização para exportação estava a espera da derrogação para mais um ano  . Em janeiro ,passado o ministro da economia no papel de bombeiro do governo andou de “ Seca a Meca “ e em tempo record assossegou a administração da FRSCOMAR  que anulou o pré-aviso  de despedimento . A entrada em vigor  da derrogação veio mostrar que o ministro falou a verdade sobre resolução do problema a dizer “ que era um assunto que não dependia do governo, mas que tinha a garantia que o Pais iria conseguir a derrogação”.

 

 

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.