Fazenda Esperança: Obra de construção da primeira casa de recuperação vai a bom ritmo

5/06/2017 02:09 - Modificado em 5/06/2017 02:09
| Comentários fechados em Fazenda Esperança: Obra de construção da primeira casa de recuperação vai a bom ritmo

A primeira casa de recuperação de toxicodependentes em Trindade, Praia, já está a ser construída e a obra vai a bom ritmo, afirmam os responsáveis pela obra. Há mais de uma semana que os trabalhadores iniciaram a obra que contempla três casas, um refeitório e uma capela.

A cidade da Praia está em vias de acolher mais uma casa de recuperação de pessoas toxicodependentes. A obra é da ONG brasileira Fazenda Esperança com a parceria da Igreja católica, Diocese de Santiago. A Fazenda está a ser construída na zona de Trindade e deverá acolher inicialmente cerca de quarenta pessoas.

As obras iniciaram há mais de uma semana e o trabalho vai a bom ritmo, avançou o Engenheiro Isolino Varela ao site da Diocese de Santiago. Os responsáveis acreditam que a obra estará pronta dentro de quatro meses altura em que deverá acontecer a inauguração.

Maria Helena Canto faz parte da equipa da Fazenda Esperança, é uma mulher feliz, pois há mais de dois meses que esperava ansiosa pelo início das obras. O projecto conta com o apoio financeiro da CEI, Conferência Episcopal Italiana.

Desde o mês de Março que a equipa tem estado em contacto com as pessoas no sentido de sensibilizar a população. Na sequência deste contacto com pessoas toxicodependentes, familiares e amigos, foi possível dar origem a um grupo denominado Esperança Viva.

O encontro acontece semanalmente na Capela Santa Terezinha na comunidade de Safende. O fito deste grupo é criar um espaço onde os dependentes químicos, familiares e amigos possam expor os próprios problemas, partilhar experiências, inquietações no sentido de encontrar soluções para o problema.

Uma das características particulares deste centro de recuperação é a terapia de tratamento sem medicação. Os recuperados terão de ser submetidos a um processo de tratamento de um ano. O tratamento também abrange os familiares, uma vez que são estes os mais atingidos pelas consequências dos actos e comportamentos dos toxicodependentes.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.