Delegacia de Saúde de São Vicente proporciona dia diferente a crianças com necessidades especiais

2/06/2017 07:24 - Modificado em 2/06/2017 07:35
| Comentários fechados em Delegacia de Saúde de São Vicente proporciona dia diferente a crianças com necessidades especiais

Dia Internacional da criança celebrada na Delegacia de Saúde para crianças com necessidades especiais, com o objectivo de proporcionar uma maior integração e alertar sobre as necessidades que enfrentam no dia-a-dia, bem como a promoção de um maior envolvimento da sociedade civil.

 

Nisso a delegacia de Saúde, criou nas suas instalações um ambiente propicio as crianças com necessidades especiais que frequentam o centro de reabilitação do PMI de Bela Vista para uma manha de convívio com diversas actividades e um espaço de informação sobre as necessidades de crianças com deficiência.

De acordo com a fisioterapeuta Ronise Soares, foi criado o ambiente no espaço como forma de ajudar os país e proporcionar as crianças, que devidas as suas limitações não fica difícil frequentar as diversas actividades espalhadas pela cidade do Mindelo, nesta quarta-feira. “E por isso, sabemos que são crianças e precisam de desenvolver suas capacidades lúdicas, conviver, com outras crianças”.

Diz ainda que a ideia foi apresentada ao delegado de saúde da ilha que apoiou de prontidão a iniciativa, que pretende ser o inicio de diversas outras, e teve o apoio de outras instituições que apoiam a causa, para poder proporcionar estas actividades.

Profissionais da rede primários de saúde ofereceram um dia diferente aos seus pacientes e familiares, para que não passassem a data em branco.

“Proporcionamos um dia diferente, com a presença dos pais e que proporciona além disso o incentivo da sociedade mindelense a um maior envolvimento no sentido de inclusão de crianças com necessidades portadoras de deficiências”, explica a fisioterapeuta.

Afirma ainda que o envolvimento da sociedade é importante, porque para além do tratamento, estes necessitam de outras coisas, como espaços para atendimentos, e é nesta parte que a sociedade mindelense deve ajudar. “Queremos com isso também alertar sobre as diversas situações que enfrentam no dia-a-dia”, conclui a profissional de saúde.

De acordo com os país que acompanharam os filhos, esta é uma boa iniciativa e esperam que continue a surgir iniciativas do tipo, e que continuem a ter mais apoios, afinal “são especiais, acreditamos que merecem coisas especiais”.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.