Governo envia processo TACV ao MP por considerar que houve gestão danosa

2/06/2017 07:10 - Modificado em 2/06/2017 07:10

O que de devia ser um caso de contornos técnicos e financeiros visando  a restruturação da TACV , virou um processo partidário  com o PAICV a fugir com o “rabo a seringa” ao não assumir as suas responsabilidades, enquanto governo durante 15 anos, na falência da companhia de bandeira.

 

E agora é processo judicial, visto que o ministro das  finanças, em nome do governo, anunciou  que vai enviar o processo da TACV ao Ministério Público por considerar que há indícios de “gestão danosa” do anterior executivo e  suportado pelo PAICV. “O que fizeram em relação à TACV (Transportes Aéreos de Cabo Verde), gestão danosa será devidamente entregue ao Ministério Público. Pediremos que haja uma intervenção rápida porque ali estão responsabilidades que terão que ser assacadas”, disse Olavo Correia considerando que “ A culpa não vai morrer solteira “

Olavo Correia fez o anúncio num debate parlamentar de urgência pedido pelo PAICV para esclarecer os detalhes do negócio que levará à saída da TACV do mercado doméstico e à entrada do Estado com 49% no capital social da empresa Binter CV, que a partir de agosto assegurará em exclusividade os voos entre as ilhas cabo-verdianas.

  1. Figueiral

    O problema é que o feitiço pode voltar contra o feiticeiro

  2. CidadaoCV

    Pois é … mais um blá, blá, … É que se todos os políticos fossem responsabilizados judicialmente pelas “asneiras” que fazem enquanto detentores do poder, haveria a necessidade de se construir uma prisão só para políticos; ou então não haveria partidos políticos, e nem políticos ….

  3. Fantonnelli Mariah

    Excelente iniciativa por parte do governo e que deve fazer escolas nesse nosso pequeno Cabo Verde, até para dar cunho a Lei da responsabilização dos titulares de cargos políticos tanto vangloriado pelo anterior governo mas, que na verdade nunca surtiu efeito a pesar de tantas denuncias e desconfianças por parte dos políticos e da sociedade civil em como certos dossiers tiveram gestão danosa e com indícios graves de corrupção. Após a aprovação dessa famosa Lei da Responsabilização dos Titulares dos Cargos Políticos e públicos também, a única ação adveniente dessa Lei foram as tentativas feitas com dois autarcas que por sinal não eram do PAICV: Manuel Ribeiro, autarca do Maio e Isaura Gomes autarca de S. Vicente na altura. Nunca mais houve sequer tentativa de responsabilização mesmo quando tivemos o caso de “Saco Azul” do Ministério da Justiça, nem do Fundo do Ambiente e do Fundo do Turismo, da IFH do Novo Banco, da gestão da CMP no tempo de Filú e principalmente dos TACV.
    Os caboverdianos querem ficar esclarecidos sobre toda a suspeição a volta das várias gestões dos últimos 5 anos, responsabilizar e sancionar os prevaricadores em nome da democracia e do Estado de Direito Democrático e, principalmente em nome da boa gestão da coisa pública, para que essa Lei que até a data configura-se uma Lei de cosmética que é utilizada por conveniência.
    A moralização do Estado precisa ser recuperada e preservada em nome da sustentabilidade, para o bem do Estado e das furas gerações.
    Apelamos ao Ministério publico, uma atenção especial no tratamento desses casos de suposta lesa pátria, para servir de exemplo aos próximos ou futuros gestores públicos e políticos.

  4. Antonio Delgado

    Se se enviar o dossier TACV ao MP dou um aplauso ao Ministro das Finanças. Assim o Povo destas Ilhas ficarà esclarecidos e que as responsabilidades sejam asacadas doi a quem doer. O Povo ja nao quer saber so das denuncias, mas sim com processos crimes contra gestao danosa. “12Milhoes” daria para dar empregos à todos os desempregados existentes em Cabo Verde. Esperamos que o MP farà o seu trabalho o mais urgente possivel.

  5. Maria José

    Má ca tem ninguém pa kala Janira boca? Se fosse na Franca djês calá el boca si ma és sta fazi ku Emanuel Macron. Ministro di Macros sta ser investigado di nepotismo. Um job kel ranja pa um amigo… nem ca foi pa se mudjer moda Janira ranja pa sé marido. Cabo Verdi di nos e paxenxa propi

  6. Julio Goto

    … o Governo contratou o Canadiano para dirigere a TACV, despedimentos nao caio no paladar dos parasitas da empresa.
    …a derrota das autarticas o PAICV culpou o descontentamento dos trabalhadores da TACV .
    … a galhotina estava armada a espera dumpa cabecinha,nesse caso seria o Gilito ou menino alcatrao Manuel Inocente .
    … o homem que ja estava na recta final para a privatizacao segundo a entervista dada pelo Inocente meses antes da derrota,teve que arrumar a mala.
    … Antonio Neves foi nomeado e empossado pelo irmao Jose M.Neves,mais turde sucedido pelo Pereirona.
    O MPD entrou no Governo abTACV ja era.
    Nova era para a TACV comessou. Quem Sao os culpados pela situacao? Concerteza foi a incopetencia do PAICV.

  7. Silvestre Delgado

    Se formos investigar os TACV duma forma séria e sem cor politica, acho que quem fica a perder é o estado de CaboVerde , isso porque teremos que construir mais PRISOES , pois tanto o PAICV, como MPD, vao ficar sem dirigentes….cabanda de ladr,,,,,,,,,,,,,

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.