São Vicente: consumidores insatisfeitos com a subida do preço dos Transportes Colectivos Urbanos de Passageiros

16/05/2017 04:49 - Modificado em 16/05/2017 04:49
| Comentários fechados em São Vicente: consumidores insatisfeitos com a subida do preço dos Transportes Colectivos Urbanos de Passageiros

A Agência de Regulação Económica estabeleceu novas tarifas de equilíbrio para os Transportes Colectivos Urbanos de Passageiros que entraram em vigor esta segunda-feira, 15 de Maio. O aumento do custo por quilómetro (CVE/km), conjugado com o aumento do índice de passageiros por quilómetro (IPKE), determinou a fixação da tarifa de equilíbrio (CVE/passageiro) para 2017, na cidade da Praia em 41$00 e no Mindelo em 40$00.

De acordo com algumas consumidoras abordadas pelo NN, o aumento das tarifas dos Transportes Colectivos Urbanos de Passageiros é um exagero.

Manuela Sénior afirma que o aumento dos bilhetes dos autocarros não faz nenhuma diferença, uma vez que não lhe passam o troco dos 2 escudos. No entanto, apela para a descida do preço dos bilhetes e não para a sua subida.

Shirley Soares diz que o preço dos bilhetes dos autocarros deveria ser mais alto na cidade da Praia pois o percurso a percorrer é maior.

Por outro lado, Humberto Elísio apela para a descida do preço dos bilhetes dos autocarros e ao aumento salarial para que possam responder a todas as suas necessidades.

No entanto, para o ano que vem os preços dos bilhetes dos transportes voltarão a aumentar.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.