Flórida: Namorado mata jovem cabo-verdiana a tiro e depois suicida-se

15/05/2017 08:12 - Modificado em 15/05/2017 08:12
| Comentários fechados em Flórida: Namorado mata jovem cabo-verdiana a tiro e depois suicida-se

Namorado mata jovem cabo-verdiana a tiro e depois suicida-se. A cabo-verdiana de 18 anos, Larissa Barros, foi morta a tiro dentro da sua residência em Poinciana, Flórida. De acordo com o site ClickOrlando.com, a vítima foi baleada pelo ex-namorado com quem tinha um filho de um ano. O caso de assassinado seguido de homicídio foi registado no dia 11 de Maio.

Antes do acidente, Larissa terá accionado a polícia avisando que alguém tinha invadido a casa, supostamente para roubar. Ao chegar no local, a Polícia encontrou a jovem morta. O agressor Kai Williams, de 20 anos, fugiu do local mas, para tentar escapar à Polícia, atirou contra sua própria cabeça com a mesma arma do crime.

A polícia afirmou que “a pessoa que tinha entrado na casa estava possivelmente armada com uma arma de fogo. Encontrou Williams na estrada e ele apontou a arma para si mesmo e matou-se”.

O assassinato-suicídio tem a ver com o problema da violência doméstica entre o jovem casal. Larissa Barros tinha anteriormente obtido uma ordem de restrição contra Williams. De acordo com o site ClickOrlando.com, Williams teria sido preso duas vezes no ano passado, “uma vez com a acusação de perseguição agravada pela qual Larissa foi vítima e, novamente, por violar uma ordem de restrição que havia contra ele”.

A jovem estudante terminava este ano lectivo os estudos secundários para ingressar na Universidade. O caso está a ser investigado pela polícia local.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.