PN alerta para circulação de notas falsas

12/05/2017 04:43 - Modificado em 12/05/2017 04:43
| Comentários fechados em PN alerta para circulação de notas falsas

Notas falsas foram apreendidas pela Polícia Nacional do Tarrafal onde dois indivíduos foram detidos por suspeita de burla e falsificação de notas. Vários comerciantes e pessoas individuais ficaram lesados. Diante da situação, a PN alerta as pessoas para terem maior atenção aos marcos de segurança das notas, pois poderão surgir situações do tipo.

 

A Polícia Nacional está a investigar casos de denúncia de burla e falsificação de notas no Município do Tarrafal de Santiago. Dois dos suspeitos já foram detidos e apresentados ao Tribunal.

Os indivíduos do sexo masculino residentes nas zonas de Safende e Ponta de Água, Cidade da Praia, foram detidos na posse de 58 mil 733 escudos em dinheiro verdadeiro e 15 notas de 5 mil escudos falsas. Os homens identificados por Já e Adi já se encontram na Cadeia de São Martinho.

Um taxista também está a ser investigado por ter sido detido na posse de 28 mil escudos em dinheiro verdadeiro e 20 notas falsas.

A PN alerta as pessoas, sobretudo os comerciantes, para terem cuidado redobrado para detectarem se uma nota é falsa ou não. Ou então, pedirem ajuda a pessoas que conhecem os marcos de segurança para não serem enganados pelos meliantes.

Os comerciantes com quem o NN falou, dizem agora estarem atentos a qualquer tentativa de passagem de notas falsas. Maria Helena diz que outras mulheres foram burladas por indivíduos desconhecidos mas que já foram presos, contudo, redobraram as atenções.

“Acredito que a PN deveria fazer uma investigação mais aprofundada no sentido de identificar os criminosos que estão a produzir o dinheiro falso, pois só assim é que poderá pôr cobro à situação, porque certamente outras pessoas poderão estar com outras notas falsas.

Conforme a comerciante Anilda, o mecanismo mais prático para identificar notas falsas é a marca d’água. Em cada nota, é possível ver a imagem de figuras que representam a República”.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.