Arrebentamento de tubo de água danifica estrada gera descontentamento no seio dos moradores e condutores de Calabaceira

21/04/2017 04:49 - Modificado em 21/04/2017 04:49
| Comentários fechados em Arrebentamento de tubo de água danifica estrada gera descontentamento no seio dos moradores e condutores de Calabaceira

A estrada principal da zona de Calabaceira esta com enormes buracos, quase que intransitável. As viaturas são obrigadas a desviarem para esquivarem dos buracos colocando vidas humanas em risco. Segundo os moradores entrevistados pelo NN, a estrada ficou neste estado após uma intervenção da Electra num dos tubos que perdia grande quantidade de água.

 

Os moradores da zona de Calabaceira, Praia estão revoltados com más condições em que ficou a estrada depois de uma intervenção da Electra. Motoristas que trafegam por esta via precisam enfrentarem vários buracos. A via não é asfaltada e dificulta a viagem dos condutores. Segundo os entrevistados a situação arrasta se há mais de quatro semanas.

Ao longo da estrada encontramos vários buracos, mas o com maior dimensão e com cerca de cinquenta centímetros de profundidade está localizado junto a uma paragem de autocarro frente a armazém comercial.

“ O buraco é tão grande, que os veículos, sobretudo os de grande porte como os autocarros e camiões só conseguem andar transitar pela metade da estrada sob pena de cair dentro do grande buraco”, diz Leandro morador de Calabaceira acrescentando que á noite, sem sinalização, sem iluminação, os riscos é mais alto.

O condutor de autocarro número 10 mostra a sua preocupação em relação as condições da estrada. “ É extremamente perigo, o buraco tem uma dimensão considerável podendo provocar acidentes”.

O empresário Luís diz sentir bastante afectado com a situação, dai ter dirigido a Electra para expor o problema. Ao NN, o entrevistado revela que para além de outros buracos na estrada, o problema tornou-se preocupante desde que a Electra fez uma intervenção num tudo de água que arrebentou.

“A quantidade de água era tanta que o chão ficou embebido. O peso dos automóveis fez pressão fazendo descer a terra juntamente com as pedras de calçadas resultando neste enorme buraco” disse.

A situação tem vindo a preocupar os moradores que temem dissabores, por isso apelam intervenção para resolução do problema.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.