CMSV já esperava insatisfação com a medida em relação as roullotes

21/04/2017 04:39 - Modificado em 21/04/2017 04:39

José Carlos da Luz, vereador responsável pelou pelouro da fiscalização da CMSV, diz que já esperava a reação das pessoas, a quando da medida de retirada das roulottes para melhoramento. E diz que quando se toma medidas impopulares situações do tipo tem tendência a acontecer. E que o processo está a decorrer normalmente.

A CMSV foi criticada pela medida pelos proprietários das roulottes. As criticas centram na questão da inspeção, o qual afirma que não chegou a acontecer, e ainda os proprietários afirma haver muitas contradições na decisão tomada pela edilidade.

Sobre as críticas dos proprietários o vereador afirma que houve uma conversa “tranquila” onde foi auscultado os problemas, e que a CMSV espera resolver mais depressa possível.

Sobre as vistorias por parte das autoridades de saúde, José Carlos diz que não foi feito, mas que constaram nos locais as condições de “falta de higiene”. Sendo estes um dos pontos para o pedido de retirada das roulottes por parte da CMSV para que estes pudessem receber melhorias e prestar um serviço de qualidade.

Falando sobre outros aspetos diz que o objetivo prende-se em disciplinar o sector. E fornece o exemplo de que a edilidade tem procurado falar diretamente com os proprietários das roulottes. Como diz muitos tem conseguido a licença, e alugado os espaços para terceiros. Pratica que a edilidade quer controlar. E diz que um dos proprietários que criticou a câmara não tem licença própria, e por isso “a necessidade de disciplinar o sector.

“Já existe roulottes que estão a funcionar. Os outros vão preparando quando chamarmos para estarem prontos para exercer a sua atividade”. Ainda o vereador adianta que vai acontecer trabalhos de remoção de contentores, carros abandonados, com o objetivo de dar uma melhor visão a cidade.

  1. verdade

    convenhamos: esse “veredor ” é fraquinho, fraquinho.

  2. KAPITAO AMBROSE

    Es terra tita precisa mas um vez dum Capitao ou Ambrose o Ote qualquer porke coitode tita ser empurrode pa precipicio Amdjer de baloi na cabessa ta corre de Guarda Municipal e Plissa moda diabo ta corre de cruz Depos es ta fala de delinquencia juvenil ,, Claro conde es tmas ses venda es leva pa onde kes kre fidje na casa ta fca fome E como fome katem lei enton solusson eeeeeee sei pa rua pa pode subrevive porke dente de casa es ta ba morre dfom MA BUCIS CUIDODE NOS E UNS 80 MIL E SE NO RESOLVE REVULTIA E UM DEUS NOS ACUDA PORKE ES KZINHA DE GUARDA MUNICIPAL INTXODE KA TA DA PA ALMOSSE FARI JANTAR

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.