Gil: Um golo que vale um título

18/04/2017 07:27 - Modificado em 18/04/2017 07:27

Gilberto Mariano, ou simplesmente Gil, jogador da “Micá” é por estes dias o nome maior da equipa do Mindelo, isto após apontar o único golo do jogo de sábado na vitória frente ao Mindelense e que coloca a “Micá” 10 anos depois no campeonato nacional de futebol.

O jogador é fruto da formação da Académica e que depois de uma passagem no início da época pelo Mindelense regressou a casa para 10 anos depois colocar a sua equipa na rota do campeonato nacional, isto após marcar precisamente o único golo da vitória no clássico de sábado.

Gil enverga a camisola 24 e foi a passagem do minuto 24 da primeira parte que fez o gosto ao pé ao bater o guardião Piduca dos bicampeões regionais e convidado por este Online sobre uma visão do jogo e da época em si Gil afirma que “É uma alegria imensa ter feito o golo, porque sou da formação da Académica e quando ajudas o teu clube a concretizar o sonho é óbvio que ficas muito contente.”

O ponta de lança iniciou a época nos leões da rua de praia, onde disputou apenas uma partida, tendo depois saído do clube e regressado para a “Micá” onde começou a actuar ao fim da primeira volta do campeonato. O jogador confrontado por ter marcado a anterior equipa aponta que “Foi um golo especial porque foi pelo meu clube do coração. Após 10 anos estar-mos a lutar pelo título é o mais importante neste momento o nome do adversário não importa. A Académica é especial para mim e o vai ser para o resto da minha vida”

Gil já leva 4 golos marcados no campeonato pela “Micá” e quando faltam apenas duas jornadas para o fim do campeonato e com jogos difíceis frente a Batuque e Dérby, não quer olhar para o cenário de ser o melhor marcador do regional afirmando que o seu principal objectivo e foco neste momento é de simplesmente ajudar o clube a ganhar o campeonato, e por isso não há mas nada importante além disso. “As vezes não importa o número de golos marcados, mas sim a importância que eles têm para vencer” sublinha o ponta de lança.

Sobre o êxito que tem sido a época da “Micá” o ponta lança não tem dúvidas em apontar o treinador Bubista como a chave do sucesso e como diz “O Treinador Bubista é muito especial e todos os jogadores o idolatram porque ele trabalha de corpo e alma, e todas as suas palavras mexem connosco. Também pela forma como nos treina, pela forma como lida com os jogadores, e sem dúvidas ele é a cara do sucesso da Académica. Por isso todos gostamos dele. Temos um colectivo muito forte e o treinador aprimora tudo e nós os jogadores temos vindo a cumprir as suas ideias.

Para o embate do próximo domingo com o Batuque e que poderá consagrar a equipa da Académica como campeã regional, estando a apenas um ponto deste feito Gil indica que vão trabalhar duro porque não gostam de facilitar. “Todos os jogos são para ser encarados de igual forma, e este jogo é muito importante para nós e vamos trabalhar para vence-lo, só isso que passa neste momento pelas nossas cabeças” conclui o ponta de lança da “Micá”.

  1. Fernando Assis

    Espero que esteja enganado, mas caso o Mindelense ficar no terceiro lugar iremos ter três equipas de São Vicente no campeonato nacional.

  2. Carlos

    Uma coisa é certa com ou sem terceiro lugar S.Vicente terá duas equipas no Nacional de Futebol e Mindelense e Academica ja é um dado certo

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.