Académica domina leão e está a um ponto de se sagrar campeão de São Vicente

17/04/2017 07:50 - Modificado em 17/04/2017 07:58
| Comentários fechados em Académica domina leão e está a um ponto de se sagrar campeão de São Vicente

Depois da vitória pela margem mínima de uma bola a zero sobre o Mindelense, a Académica do Mindelo está a apenas um empate de conquistar o título de Campeão Regional de Futebol de São Vicente, dez anos depois, independentemente do resultado do Mindelense na mesma jornada.

No jogo cabeça de cartaz da jornada 12, a “Micá”, além de ter garantido o lugar no nacional com seis pontos de vantagem sobre o segundo lugar, o Mindelense, depende exclusivamente de si para a conquista do título, uma vez que nas próximas jornadas tem pela frente adversários bem fortes, como o Batuque e o Derby.

Gil foi o responsável por colocar a “Micá” na liderança isolada do campeonato quando, aos 24 minutos de jogo, aproveitou de um erro defensivo do Mindelense e, a todo o gás, lançou-se sobre o guarda-redes Piduca, que nada pôde fazer a não ser ver a bola passar longe do seu alcance.

A Académica foi a equipa que mais oportunidades de golo criou durante o jogo, tendo dominado toda a primeira parte, com forte pressão sobre o adversário e claras oportunidades de golo não concretizadas, impedindo ao Mindelense de impor o seu jogo, algo que está acostumado.

Na segunda parte, o Mindelense regressou com uma atitude diferente, impondo um ritmo diferente da primeira parte e, aos 39 minutos, o defesa do Mindelense, Hidelvis, na conversão de uma grande penalidade, com Ken rendido, atirou a bola por cima da barra, perdendo a oportunidade de empatar o jogo.

No final da partida, o técnico Bubista era um homem satisfeito com o resultado e o desempenho da sua equipa. “Estamos contentes com a nossa classificação até este momento, com seis pontos de vantagem, já estamos no nacional, o que é importante”, afirma o técnico, que felicita ainda a sua equipa pelo jogo e pela atitude demonstrada dentro do campo.

“Foi um jogo em que dominámos em termos de momentos de jogo, mais posse de bola e maiores possibilidades de bisar na partida e, estamos mais perto do título”, reitera Bubista que pretende conseguir mais vitórias nas próximas jornadas.

Por seu lado, Rui Alberto, reconhece que as contas pelo título ficaram mais difíceis, apesar de nada estar decidido.

Em relação ao jogo, reconhece também que a Académica foi a melhor equipa em campo na primeira parte, tendo feito tudo o que a sua equipa não foi capaz de fazer e que, apesar de na segunda parte o Mindelense ter entrado melhor no jogo, não foi possível reverter o resultado. “Mereceram a vitória pelo que fizeram na primeira parte”, admite.

Com presença garantida no nacional, o Mindelense é actual campeão, tetra no cômputo geral, Rui Alberto espera que a ilha seja bem representada no Campeonato Nacional de Futebol.

Nos restantes jogos, o Ribeira Bote venceu o Falcões do Norte por 4-3 e deixa a zona de despromoção, remetendo o Falcões do Norte para a final da tabela classificativa.

Na abertura da jornada, o Batuque venceu o Farense por 1-0, troca de lugar com a equipa de Fonte Filipe que na última jornada ocupava o posto de quarto lugar e o Batuque quinto. O Derby goleou o Salamansa por 4-0 e mantém o terceiro lugar.

 

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.