Egito: Estado de emergência declarado por três meses

10/04/2017 08:38 - Modificado em 10/04/2017 08:38

Abdelfatah Al-Sisi, presidente do Egito, anunciou durante a tarde deste domingo que o país vai estar sob estado de emergência durante três meses.

Esta medida surge por consequência do ataque deste domingo a duas igrejas cristãs coptas, nas localidades de Tanta e Alexandria.

Recorde-se que o atentado foi reivindicado depois pelo Daesh.

 

abola.pt

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.