Elba Fonseca: “Sou uma gota negra no meio de várias gotas brancas”

7/04/2017 07:55 - Modificado em 7/04/2017 07:55
| Comentários fechados em Elba Fonseca: “Sou uma gota negra no meio de várias gotas brancas”

Elba Fonseca, 28 anos de idade, cabo-verdiana, natural da ilha de São Vicente, residente na Bolívia, Cochabamba, está a cursar Medicina e segue a carreira de modelo nesse país há 6 anos.

Elba Fonseca diz que ser modelo nunca foi um sonho seu por acreditar que não tinha a altura adequada para exercer essa carreira.

“Ser modelo não era um sonho meu, pois sou considerada a mais pequena da minha família e, sendo assim, nunca via essa aspiração  na minha vida”, afirma.

Em 2011, Elba Fonseca foi descoberta por uma agência de modelos na Bolívia, jogando futebol, e realça que “fizeram-me a proposta de tirar umas fotos e foi assim que entrei no mundo da moda como modelo”, afirma.

Para além de ser modelo, Elba Fonseca quer terminar os seus estudos, pois iniciou o seu curso de medicina e teve que parar para dar prioridade à carreira de modelo.

Elba Fonseca já participou em vários eventos, nomeadamente, dois desfiles mais bem sucedidos na Bolívia, Bolívia Moda e Bolívia Fashion Week, feiras internacionais, revistas e jornais mais populares na Bolívia, entre outros, e realça que “sou uma gota negra no meio de várias gotas brancas, onde já participei em várias coisas o que me faz ter um curriculum muito grande, graças a Deus”, considera.

Por outro lado, Elba Fonseca afirma que os seus objectivos estão alcançados, pois “a minha idade não me permite avançar muito e pretendo fazer uma pausa para terminar os meus estudos de medicina”, considera.

Com várias conquistas e realizações, Elba Fonseca diz que se sente realizada e que a sua carreira já se encontra na recta final. “A minha idade não me permite avançar muito. Entretanto, pretendo fazer uma pausa para terminar os meus estudos de medicina”, disse.

Após, ter conquistado as passarelas da Bolívia, Fonseca sonha regressar ao seu País, Cabo Verde, formada em Medicina e transmitir todos os seus conhecimentos adquiridos para os que sonham em seguir a carreira de modelo.

“O meu maior sonho é chegar a Cabo Verde e transmitir a todos os que sonham ser modelo, tudo o que aprendi aqui fora e ajudá-los a alcançar os seus objectivo”, considera.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.