PAICV quer Comissão de Inquérito para averiguar o caso do Novo Banco

24/03/2017 08:12 - Modificado em 24/03/2017 08:12
| Comentários fechados em PAICV quer Comissão de Inquérito para averiguar o caso do Novo Banco

O Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV), solicita a constituição de uma Comissão Parlamentar de Inquérito para apurar o caso da resolução do Novo Banco. Esta Comissão terá como objectivo promover a total transparência na gestão da coisa pública e verificar se o executivo esgotou todas as medidas possíveis antes de decidir sobre a resolução da instituição bancária.

A Presidente do PAICV, Janira Hopffer Almada, através das redes sociais, escreve que foi entregue ao Presidente da Assembleia Nacional um requerimento para a constituição de uma Comissão Parlamentar de Inquérito, na sequência da medida de resolução do Novo Banco.

“Esta decisão que visa o total esclarecimento desta matéria, vem ao encontro dos propósitos defendidos pelo PAICV, enquanto Partido responsável e defensor dos ideais da Esquerda Democrática, de promover a total transparência na gestão da coisa pública”, assegura a líder da oposição. A mesma explica que o objectivo desta Comissão é apurar o contexto e as acções desenvolvidas para a criação do Novo Banco, assim como averiguar se o Governo esgotou, ou não, todas as possibilidades existentes para a sua recuperação.

Outros objectivos estão na lista do PAICV que assume o papel de fiscalizador, assim como afirmou Janira Hopffer Almada que seria uma das funções do partido como oposição. Assim sendo, JHA escreve que constitui, igualmente, objectivo do Grupo Parlamentar do PAICV:

• Saber se o Plano de Recuperação apresentado pelo Conselho de Administração do Novo Banco nomeado em Janeiro de 2016, teve impactes positivos, traduzindo-se na redução dos prejuízos nos seus resultados;

• Apurar se o Ministério das Finanças teve responsabilidades, ou não, na divulgação da Lista de potenciais devedores do Novo Banco;

• Averiguar se a decisão do INPS de fazer depósitos à ordem e a prazo no Novo Banco foi estribada em critérios objectivos e em condições que lhe são favoráveis, bem como os impactes dessa decisão na carteira de investimentos dessa Instituição.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.