Familiares de doente mental abusada sexualmente pedem justiça

13/03/2017 07:59 - Modificado em 13/03/2017 07:59
| Comentários fechados em Familiares de doente mental abusada sexualmente pedem justiça

Uma mulher com deficiência mental foi sexualmente agredida dentro da sua própria residência na zona de Bela Vista, cidade da Praia. Conforme os familiares, a vítima foi abusada por indivíduos ainda não identificados. O crime terá acontecido durante a noite quando a vítima se encontrava a dormir. Os meliantes tiveram acesso à residência através de uma janela de onde conseguiram retirar a grade de ferro. O caso está sob a alçada da Polícia Judiciária que está a investigar os meandros do crime.

Os familiares da vítima estão revoltados e sem saberem o que fazer, uma vez que a doente costuma ficar sozinha por muito tempo, porque os familiares saem todos os dias para trabalhar.

A irmã da vítima afirma que no passado já houve tentativas, contudo o acto nunca chegou a ser consumido mas que, desta vez, os meliantes aproveitaram da noite onde todos estavam a dormir e conseguiram ter acesso à residência através de uma janela.

A vítima foi encontrada toda ensanguentada pelos familiares. Segundo conta a irmã, no hospital não foi possível realizar qualquer exame, pois a vítima encontrava-se bastante agitada e mostrou resistência recusando ser examinada.

Apesar da situação, a irmã da vítima diz ter apresentado uma queixa-crime na Polícia Judiciária que está a investigar o caso. Os familiares dizem ter alguns suspeitos do crime e que a Polícia já tem conhecimento dos mesmos. Os familiares pedem justiça para a situação que abalou a todos incluindo os vizinhos que se mostram revoltados com “tamanha crueldade”.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.