Casal de idosos assassinado no Madeiralzinho

4/03/2017 13:57 - Modificado em 4/03/2017 13:57

Dois idosos foram encontrados mortos  na sua residência, no Madeiralzinho, em São Vicente. O casal, Joaquim “Quim” Silva e Olga Alem, não eram vistos há alguns dias pelos vizinhos que procuram o serviço de bombeiros. Estes ao arrombarem a porta deram conta do que tinha acontecido. Os indícios apontam para um caso de roubo, seguido de homicídio, visto que os corpos estavam ensanguentados. Casa revirada, e sangue espalhado.

A Policia Judiciaria está a investigar o caso, mas não adianta informação sobre o acontecido, que segundo foi dito ao NN, os agentes ainda estão em diligências. Os vizinhos classificam o casal como simpático, típico de pessoas idosas e davam bem com todas as pessoas. E por isso os vizinhos não conformam com a situação e consideram que se trata de alega assalto que não correu bem.

O NN sabe que os indícios apontam para um duplo homicídio, mas que esta forma de actuar não faz parte do modus operandi dos ladrões em São Vicente que , normalmente , nao utilizam a violência nos assaltos.

Em actualização

  1. Clara Medina

    Para a Família enlutada os meus sentidos pêsames e coragem para suportar esta perda e infelizmente ocorrida de um modo tão trágico e violento.
    Agora aqui fica uma dica para a Polícia. Anos atrás aconteceu um caso semelhante no Madeiralzinho e o autor do crime era pessoa de ligação estrita com a vítima. Roubo seguido de asfixia.
    Portanto na sua investigação a Polícia Judiciária deveria também levar em conta que todas as hipóteses estão abertas e que o crime também pode ter sido perpetuado por pessoa ou pessoas que tinham ligação com o desditado casal e que poderão ter abusado da hospitalidade, confiança e amizade das vítimas.
    De qualquer forma como morador do Madeiralzinho espero que a Polícia tenha o mais rápido possível sucesso na descoberta do criminoso/criminosos pois enquanto tal não acontecer sinto-me insegura na própria casa.
    Aqui fica também um apelo para os vizinhos das vítimas. Espero que caso tiverem qualquer suspeita, Madeiralzinho é pequeno, tenham a coragem mesmo anonimamente de denunciar e colaborar com a Policia, telefonando para o número 132 e gratuitamente pois a sua colaboração é de extrema importância para a captura do criminoso.criminosos.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.