Prémio KAKOY 2017: “Tud eh Carnaval”

27/02/2017 08:38 - Modificado em 27/02/2017 08:38
| Comentários fechados em Prémio KAKOY 2017: “Tud eh Carnaval”

Como se costuma ouvir por aqui nesta altura, “Tud eh carnaval”. As pessoas aproveitam esta época para levarem a criatividade e a imaginação até ao limite e algumas dessas imaginações poderiam ser caracterizadas de ridículo, se não fosse Carnaval, onde quase tudo é aceite.

As fantasias individuais e de grupo mostram, muitas vezes, até que ponto o ser humano é capaz de ir pela brincadeira, pela personagem. Inspiram-se em eventos nacionais e internacionais, em telenovelas, filmes entre outros e a própria imaginação faz o resto acontecer.

Apenas as pessoas individuais e os grupos de 20 a 30 pessoas que não se inscreveram na Câmara Municipal de São Vicente com o propósito de animarem o Carnaval, podem concorrer ao prémio.

E exactamente por isso, o Ministério da Cultura e das Indústrias Criativas (MCIC), através do Centro Nacional de Artesanato e Design (CNAD) criou o prémio KAKOY – Carnaval Artesanal 2017. “Trata-se de um prémio anual que visa reavivar/estimular o Carnaval espontâneo que em tempos foi considerado o elemento diferenciador do Carnaval Mindelense, sobretudo, pela capacidade criativa e originalidade das pessoas, que no dia do Carnaval se metamorfoseiam e criam objectos/peças dignos de admiração”.

No dia de Carnaval, 28 de Fevereiro, serão avaliados grupos e pessoas individuais que se destacam pela sua capacidade criativa e originalidade – demonstradas no percurso do Carnaval do Mindelo: Rua de Lisboa, das 12h30 às 14h30 e restantes ruas pré-definidas pela Câmara Municipal de São Vicente e pela Polícia Nacional, das 14h30 às 18h00.

Para fazer esta avaliação, o MCIC, através do CNAD propôs criar um júri competente para proceder à avaliação e consequente atribuição dos prémios de primeiro, segundo e terceiro lugares, para grupos e prémio individual.

A proposta de atribuição do nome KAKOY a este prémio tem por objectivo homenagear esta figura singular do Carnaval Mindelense – que faz parte da memória comum dos sãovicentinos, com os critérios de criatividade, originalidade, presença, mensagem, reacção do público.

O prémio de grupo para o primeiro lugar é de cinquenta mil escudos, para o segundo lugar é de trinta e cinco mil escudos e para o terceiro lugar é de vinte mil escudos.

Serão premiados, na categoria individual, apenas o primeiro e segundo lugar, com vinte mil e quinze mil escudos, respectivamente.

A entrega do Prémio será feita em frente do Centro Nacional de Artesanato e Design (Praça Nova), no dia 01 de Março às 15h30.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.