Evanizia Pinto: uma psicóloga que quer o cinto negro de Karaté

16/02/2017 07:22 - Modificado em 16/02/2017 20:40
| Comentários fechados em Evanizia Pinto: uma psicóloga que quer o cinto negro de Karaté

Evanizia Pinto, 35 anos, é Psicóloga de profissão, mas também é praticante de karaté, pelo que se encontra, neste momento, em estágio para o exame para cinturão negro no dia 19 de Fevereiro.  

A psicóloga pratica o karaté desde os 22 anos de idade quando ainda se encontrava na universidade. Todavia, a paixão pelo karaté apareceu ainda criança porque tinha o desejo de treinar o karaté.

Mesmo com o início do karaté numa fase de vida com muita intensidade de tarefas, a psicóloga realça que com o tempo foi fácil conciliar, mesmo com algumas pausas nos treinos devido ao cumprimento de outras tarefas.

Mesmo com as interrupções pelo caminho nos treinos nada a fez colocar de parte o amor pelo karaté. A psicóloga diz que muitas pessoas entram na vida do karaté na infância e quando vão para a universidade a tendência é fazerem uma pausa mas, no seu caso, foi o inverso porque, apesar da sobrecarga da universidade, sempre procurou uma actividade “extra-curricular”.

Para Evanizia, o karaté, de certa forma, acaba por entrar em tudo, “porque trabalhamos com a mente e o corpo, e em qualquer instância da vida, trabalhamos com eles”. “O karaté e a psicologia combinam-se e, para além do mais, o karaté permite-nos autodisciplina, não só a física, mas também a mental e ajuda na concentração. O karaté trouxe-me o auto domínio e a autoconfiança”, realça.

A psicóloga vê o karaté como um processo, por isso, mesmo após a realização do exame para cinturão negro, não vai colocar de parte esta paixão. “Quando entrei no mundo do karaté, sabia exactamente o que queria e, certamente, vou continuar porque é um processo em continuidade. Certamente vai ser o início de uma nova etapa”, aponta.

A psicóloga agradece o trabalho feito pelos Sencei durante a sua trajectória e não os vê como simples Sencei que os treinam, mas há momentos em que são conselheiros, confidentes e que quando surge algum problema pessoal podem sempre contar com eles.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.