Kévin: “nasci para dançar e nunca desisti do meu sonho”

15/02/2017 00:42 - Modificado em 15/02/2017 00:42
| Comentários fechados em Kévin: “nasci para dançar e nunca desisti do meu sonho”

Kévin Pimentel, 22 anos de idade, natural da ilha de São Vicente, residente no Maderalzinho, um bailarino que descobriu a paixão pela dança aos 8 anos de idade e que, graças à sua motivação e dedicação, nunca desistiu dos seus sonhos.

O bailarino afirma que nasceu para dançar e que nunca desistiu do seu sonho.

Com apenas 8 anos de idade, o bailarino já pertencia a um grupo de dança na sua escola. O nome do seu primeiro grupo foi Mini TNT, posteriormente, DIVERSITY, TNT e, por último, STREET.

Em 2015 Kévin teve a oportunidade de ir dançar na ilha da Boavista como dançarino profissional onde acabou por evoluir ainda mais no mundo da dança. “Em 14 de Outubro de 2015, graças aos dois membros do meu grupo aqui na ilha de São Vicente, consegui viajar para a ilha da Boavista onde, na altura, o Hotel Riu precisava de mais bailarinos”.

Kévin Pimentel sempre trabalhou em hotéis na Boavista como animador em espectáculos. “A minha vida profissional está a correr muito bem, pois desde que fui para a ilha da Boavista surgiram-me muitas oportunidades. Trabalhei em vários hotéis, tais como o Royal Decameron, o Hotel Latino, entre outros, como animador de espectáculos”.

Em 2013 Kévin ganhou um troféu por ter conseguido ficar no segundo lugar onde diz ter ficado muito feliz e emocionado.

Kévin afirma que a sua experiência como bailarino na ilha da Boavista só lhe trouxe vantagens. “A minha experiência como bailarino na Boavista só me trouxe vantagens, pois aprendi a falar vários idiomas, nomeadamente, o inglês, o francês, o italiano e outros”, explica.

Acrescenta ainda que “aprendi também outros estilos de dança como danças latinas, tradicionais, contemporâneas, entre outras”.

De momento, o bailarino encontra-se na ilha de São Vicente e depois pensa ir para a ilha do Sal onde acredita que as suas oportunidades serão ainda maiores. “Agora vou trabalhar na ilha do Sal devido a uma nova proposta de emprego e na ilha do Sal acredito que as oportunidades serão maiores”.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.